Menu
Inicio Living Vídeo capta 64.000 tartarugas marinhas na Grande Barreira de Corais

Vídeo capta 64.000 tartarugas marinhas na Grande Barreira de Corais

Acredita-se que seja a maior agregação de tartarugas marinhas captada por uma câmara. Veja o vídeo e confira este momento mágico.

tartarugas

Foi na semana passada que um grupo de investigadores do Departamento de Meio Ambiente e Ciência de Queensland divulgou imagens de drones que mostram uma visão espetacular. São até 64.000 tartarugas marinhas ameaçadas de extinção a nadar perto da Grande Barreira de Corais, Austrália.

As tartarugas nadavam em torno da Ilha Raine, um recife de coral na costa de Queensland, Austrália. Tal coral é considerado o maior viveiro de tartarugas verdes do mundo. Era por ali que as tartarugas se preparavam para ir para a praia pôr ovos.

Em comunicado, as autoridades referiram estar a trabalhar numa alternativa para conseguir contar as tartarugas ameaçadas de extinção. Antes, sem sucesso, usaram tinta branca não tóxica. Mas “tentar contar com precisão milhares de tartarugas pintadas e sem pintura a partir de um pequeno barco com mar mexido, é difícil”, disse o infestigador Andrew Dunstan. “O uso de um drone é mais fácil, seguro e muito mais preciso. Além disso, os dados podem ser armazenados imediata e permanentemente.”

Veja o vídeo:

Graças às filmagens do drone, perceberam que o número de tartarugas marinhas que se preparava para aninhar era muito subestimado. “O processo de contagem é agora feito apenas por um drone em menos de uma hora”, disse Richard Fitzpatrick, da Biopixel Oceans Foundation.

A equipa foi assim capaz de contar até 64.000 tartarugas verdes. O resultado permitiu referir a agregação como uma das maiores já capturadas em vídeo.

De notar que 11 espécies de tartarugas verdes estão identificadas como em vias de extinção pela Lei de Espécies Ameaçadas. As ameaças às espécies incluem pesca recreativa, degradação e perda de habitat.

No mesmo comunicado, o Departamento do Meio Ambiente assumiu estar a “tomar medidas para melhorar e reconstruir as praias de nidificação da ilha. Vai ainda construir cercas para evitar a morte de tartarugas, fortalecendo a resiliência da ilha e garantindo a sobrevivência de várias espécies”. O governo de Queensland e outras organizações sem fins lucrativos uniram-se ao Projeto de Recuperação da Ilha Raine. Tal trabalha para prevenir e restaurar a perda de habitat. Também resgata tartaruga nidificadas e monitoriza as principais espécies da Ilha Raine.

Brand Story