Menu
Inicio Perder Peso Vamos lá esclarecer tudo sobre gordura localizada

Vamos lá esclarecer tudo sobre gordura localizada

Tire de vez as dúvidas!

gordura localizada

A gordura localizada é caracterizada pelo excesso de tecido adiposo que se acumula em determinadas áreas do corpo. Coxas, braços ou abdómen são, normalmente, as mais críticas. Contudo, e no que diz respeito à gordura, a sua localização importa. E as evidências demonstram que a localizada no abdómen é considerada mais prejudicial.

Gordura: a localização importa

De acordo com os estudos mais recentes nesta área, a gordura que se deposita ao nível abdominal é considerada a mais preocupante. Como tal, constitui um sinal de alerta e um fator de risco para o desenvolvimento de doenças crónicas.

Gordura abdominal

Foquemo-nos num estudo recente considerado o mais extenso na área até ao momento, publicado a 23 de setembro de 2020 na conhecida revista científica British Medical Journal BMJ e desenvolvido por uma equipa internacional. Lá, alerta-se para o facto de a gordura abdominal, à volta da cintura, está associada a um maior risco de morte prematura por qualquer causa, independentemente da gordura corporal total.

Esta investigação verificou que, em média, o aumento de 10 centímetros na circunferência da cintura foi associado a um aumento do risco de 11% de mortalidade prematura por qualquer causa. A gordura abdominal ou central é uma gordura armazenada junto aos órgãos da zona abdominal. O seu excesso aponta para a acumulação de um tipo de gordura, denominada de visceral, que se encontra ao redor de órgãos internos, como o fígado, pâncreas e intestino. A gordura visceral, ao contrário da gordura subcutânea, pode interferir com o normal funcionamento dos órgãos internos.

Como combater?

– Não esqueça que o ideal será sempre apostar na prática de exercício físico regular (direcionada ao seu objetivo em particular e características individuais). Tal deve ser aliado a uma alimentação completa, variada e equilibrada.

– Esteja atenta, além da medição do seu peso corporal total e do IMC, à medição do perímetro da sua cintura. Contudo, esta medição não diferencia entre a massa magra e a massa gorda. Além disso, não nos dá uma indicação onde se localiza a gordura armazenada. O ideal será o adulto ter um perímetro de cintura inferior a 94 centímetros no homem; No caso da mulher, o perímetro deve ser inferior a 80 centímetros.

– Os suplementos alimentares podem constituir uma opção em situações específicas, não substituindo a prática de uma alimentação equilibrada nem a prática de exercício físico.

Destacam-se os suplementos alimentares com compostos como a cafeína (naturalmente presente no guaraná e no chá verde); ácido clorogénico (principal ingrediente do café verde) ou hidroxicitrato/ácido hidroxicítrico (presente no fruto da Garcinia cambogia). A recomendação, no entanto, deve ser personalizada, tendo em conta as caraterísticas pessoais, estado de saúde, necessidades individuais e objetivo pretendido.

Aliados

Protocolo Adelgaçante, 30 ampolas bebíveis x 15ml, Superdiet, 22,31€

 


Complexo Termogénico, 60 cápsulas, Solgar, 35,77€

 


Hidroxicitrato, 60 cápsulas, Solgar, 22,85€

 


Svetol + Biotina, Bie3, 13,99€

 


Chá verde Matcha Limão, 17 saquetas, Yogi Tea, 3,99€

 

Por: Rita Fonseca Silva, nutricionista do Celeiro

Brand Story