Menu
Inicio Uncategorized Tudo se aprende

Tudo se aprende

Mafalda Almeida
Tudo se aprende
Unsplash

Por Mafalda Almeida Executive & Life Coach, formadora, palestrante, mentora e autora do livro Veja em si a Melhor Mulher do Mundo

“Somos aquilo que pensamos”, este é um princípio bastante conhecido por todas nós. Poucas somos as que o colocamos em prática, e muito devido ao dia-a-dia caótico onde nos encontramos mergulhadas.

Pandemias e viroses à parte, quem nos dera ter um “bocadinho” mais de… organização, foco, disciplina, capacidades para…, dinheiro, tempo, enfim. As desculpas são imensas quando toca à saída da zona de conforto.

Ficar na zona de conforto significa sabermos perfeitamente que não vamos a lado nenhum assim, e que não vamos conseguir novos resultados. E implica também lidar com as consequências disso.

Com isto quero dizer que muitas vezes não conseguimos ir mais além, decidindo acreditar em limitações que nos são somente impostas por nós. E mais ninguém. Decidimos acreditar que não temos tempo suficiente para aprender algo, que não temos dinheiro para investir numa nova capacidade, que não temos os chamados “recursos” para chegar mais longe. Pois tenho uma boa notícia para si: sim, temos esses recursos. E sabe porquê? Porque nos temos a nós, e isso é tudo o que precisamos para construir a nossa chamada “melhor versão”.

Tudo se aprende. Através da prática e repetição de pensamentos e comportamentos,
conseguimos aprender a gerir melhor o tempo, a gerir melhor as nossas finanças, a pensar melhor, a comer melhor, a construir mais oportunidades, a chegar mais longe. Sim! “chegar mais longe” é um músculo, sabia? E como se ganha esse músculo, pergunta você? Simples: prática e repetição. Pratique a saída da zona de conforto e vai ver se não ganha mais tempo, mais dinheiro, mais recursos!

O engraçado aqui, nem é tanto os “recursos extra” que ganha, mas sim a nova pessoa que se torna. Mais uma vez: o maior recurso que temos somos nós mesmas/os.

Como nos diz o título desta crónica: tudo se aprende. Para 2021, insista em aprender novas capacidades, as chamadas “soft skills”, cada vez mais valorizadas pelas empresas e pelo mercado. Insista em sair da zona de conforto, porque lhe garanto: vai ficar orgulhosa/o com a pessoa que se vai tornar.

Vamos a isso?

Feliz Natal, e próspero ano 2021.

 

Brand Story