Menu
Inicio Living As dicas mais eficazes para poupar dinheiro já este mês

As dicas mais eficazes para poupar dinheiro já este mês

Money, money, money… Não gostamos de estar sempre a pensar em dinheiro é um facto. Mas, é praticamente inevitável, por isso damos-lhe dicas para poupar!

Money, money, money… Não gostamos de estar sempre a pensar em dinheiro é um facto. Mas, é algo com que temos de lidar, desde o salário ao fim do mês às contas fixas, passando pelos pequenos luxos. Tudo depende da quantidade de notas que temos na carteira.

Além da preocupação com um futuro seguro e confortável, tomar as rédeas dos gastos e balançá-los com os ganhos é o método para ficar mais calma e até para ter uma sensação geral de bem-estar superior. Hoje, existem mil e uma ferramentas que prometem ajudá-la a juntar dinheiro e também a organizar as suas poupanças. As aplicações multiplicam-se e já não precisa de guardar tudo por baixo do seu colchão, podendo optar por uma das soluções de poupança que os bancos oferecem.

 

Por que é que poupar dinheiro é importante para a saúde?

Em crianças, a introdução que nos é feita aos números acontece de uma forma muito teórica. Aprendemos todas as questões sobre triângulos e como encontrar X e Y em cada equação. Mas, quanto a finanças e gestão financeira isso já não acontece de igual modo, deixando o dossier ‘adulto’ para mais tarde.

Como sabe, o impacto de não ter muito conhecimento sobre poupança pode mesmo ser um dos fatores que a impedem de conseguir juntar mais algum dinheiro. Dados da União Europeia apontam para o facto de que os portugueses estarem a poupar cada vez menos, sendo que essa poupança se centra apenas em 5% dos rendimentos por agregado familiar.

Ter uma vida financeira minimamente estável tem um grande impacto na saúde. Quem o diz é a Step Change Debt Charity (Reino Unido), uma instituição de caridade que ajuda quando as pessoas têm dívidas. Esta associação revela que 70% dos seus clientes tem menos energia e insónias.

Quem tem dívidas dorme mal e tem problemas de sono, além de sofrer outros sintomas físicos. 65% das pessoas denotam dores de cabeça e 42% reportam sentir dores diversas. Outras pesquisas recentes vieram também confirmar esta tendência, explicando o impacto do stress no sistema imunitário, cardiovascular e gastrointestinal.

Veja a galeria e descubra alguns truques simples para poupar mais dinheiro já este mês!

Leia também

É a esta idade que ficamos mais parecidas com as nossas mães

Artigo via Women’s Health

Brand Story