Menu
Inicio Nutrição São estes os truques para fazer chá corretamente

São estes os truques para fazer chá corretamente

O chá não tem calorias, é rico em minerais e antioxidantes naturais e deve ser bebido, preferencialmente, sem açúcar. Conheça os seus benefícios.

Com a chegada dos dias mais frios começamos a tirar as mantas dos armários, a vestir um pijama mais quente e a pensar em comidas mais aconchegantes. Frio é também sinónimo de ler um bom livro à lareira e de chá. O ‘five o’clock tea’ é uma tradição britânica, mas quem levou o gosto pelo chá aos ingleses foi Catarina de Bragança. A infanta portuguesa chegou, mais tarde, a rainha consorte de Inglaterra e da Escócia, deixando o legado do chá no Reino Unido.

A bebida tipicamente inglesa é bastante saudável se, tal como todos os alimentos, fizer parte de um alimentação equilibrada. É versátil e tanto pode ser servida quente como fria, tendo inúmeros benefícios para a saúde. Dependendo dos ingredientes que os compõem, os chás podem mesmo ter fins medicinais. Têm feito parte das mezinhas caseiras contra gripes, constipações, dores de estômago e outras tantas patologias. Quem nunca ouviu, por parte de alguém mais velho, que o chá é a cura indicada para a rouquidão, ou para os espirros incessantes?

Apesar de em alguns casos o chá servir mais para dar conforto do que propriamente para curar patologias clínicas (cuja medicação ou solução deve ser sempre encontrada por um médico), a verdade é que existe uma série de propriedades presentes no chá que ajudam ao funcionamento do organismo.

Além disso, esta é uma ótima forma de garantir que bebe a quantidade recomendada de água, por dia, caso a água por si só não a atraia. Não tem calorias, é rico em minerais e antioxidantes naturais e deve ser bebido, preferencialmente, sem açúcar. Caso precise de adoçar um pouco, opte por mel ou geleia de agave, em vez de açúcar.

 

Qual a quantidade de chá que devo beber por dia?

Esta resposta vai depender de vários fatores. Primeiro, se esta é a única forma que tem de beber água, a quantidade deve ser maior. No entanto, por puro prazer ou apenas para conseguir dormir melhor, o indicado é uma ou duas chávenas por dia.

Se estiver a fazer alguma medicação ou sofrer de alguma doença, deve primeiro consultar o seu médico para garantir que pode tomar todos os tipos de chá, ou perceber quais deve evitar. Se for hipertensa, estiver grávida ou tiver problemas de sono deve ter especial cuidado com os chás que ingere.

 

Sabe preparar o chá perfeito? A WH ensina!

Apesar de a preparação ser relativamente fácil, existem alguns aspetos que deve ter em conta.

  1. Deve utilizar água potável.
  2. Não deixe a água ferver. Assim que levantar as primeiras bolhas já está à temperatura ideal e, deste modo, vai garantir que a infusão ficará mais aromatizada.
  3. Junte as ervas à água, mas evite juntá-los diretamente. Use um filtro para, depois, poder remover as ervas.
  4. Deixe o chá em contacto com a água apenas durante os minutos recomendados na embalagem.

 

Para conhecer os principais benefícios do chá veja a galeria a cima.

Brand Story