Menu
Inicio Nutrição O truque de uma nutricionista para combater a ressaca

O truque de uma nutricionista para combater a ressaca

Todas sabemos como pode acabar uma noite de amigas que teve uns gins – na velhinha, e tão incomodativa, ressaca. Aprenda a combatê-la.

combater a ressaca

Todas sabemos como pode acabar uma noite de amigas que teve uns gins a mais ou uma ocasião especial que pediu brindes múltiplos – na velhinha, e tão incomodativa, ressaca.

Os efeitos do dia seguinte não são para brincar: dor de cabeça, náuseas, boca seca, corpo cansado e um mood ‘vampira’ (de quem não quer ver luz, ouvir um piu ou mover-se para fora do sofá antes do sol se pôr).

Para ajudar a minimizar estas consequências de uma noite de diversão, pedimos a uma nutricionista que nos explicasse como a alimentação pode ajudar a curar uma ressaca.

Os truques, que devem começar por ser aplicados no próprio momento em que se está a beber, envolvem a escolha certa de alimentos e bebidas para ajudar o corpo a recuperar.

Durante a noite

O truque? Ir amenizando os efeitos do álcool com o poder do H2O.

“O mais importante é não haver excessos, mas mesmo que existam, tentar sempre minimizar as consequências, hidratando o corpo ao longo da noite. Beber um golo de vinho deve ser seguido de dois golos de água, para que se possa prevenir a desidratação e a consequente ressaca”, aconselha Magda Roma, nutricionista e diretora da clínica Wellme Concept.

Mas há bebidas mais benéficas que outras. As espirituais e os licores são as suas preferidas? Pois, são exatamente essas que encabeçam a lista das proibidas e que deve evitar a todo o custo.

Se o que adora são as bebidas destiladas, combine-as com refrigerantes e água tónica que sejam light.

No dia seguinte

Nos dias seguintes a uma noite com excessos a nível do alcóol, a alimentação deverá ser especialmente cuidada. “No dia seguinte, temos que tentar consumir o máximo de alimentos alcalinos, pois o álcool aumenta o nível de acidez do organismo”, sugere a nutricionista.

As suas refeições devem, por isso, ser leves e nutritivas. Para o almoço, opte pelas saladas e inclua pepino, abacate, brócolos e espinafres e para os snacks procure beber sumos alcalinos.

A dra. sugere um que leve ½ abacate, ½ pepino, uma colher de chá de curcuma e um cacho de uvas.

 

A regra de ouro? Divirta-se sem excessos!

Brand Story