Menu
Inicio Nutrição Quer travar o envelhecimento? É isto que deve comer

Quer travar o envelhecimento? É isto que deve comer

Se tem o desejo de diminuir a velocidade a que os anos passam ou si, ou isto é algo que a preocupa, então este artigo é para si.

O envelhecimento faz parte do ciclo natural da vida, mas nem todas lidamos bem com o passar dos anos. Quem tem maior dificuldade em lidar com o passar do tempo pode recorrer a alguns tratamentos estéticos, quando os danos já não são reversíveis. Apesar de a cirurgia estética poder dar uma ajuda poderosa ao esconder os efeitos do envelhecimento, sugerimos-lhe que comece pela prevenção.

Essa prevenção acontece todos os dias, desde os cuidados que temos com a nossa pele, passando pela quantidade de água, fruta, legumes e proteína que ingerimos. Também o exercício físico se assume como essencial, dado que além de ajudar a tonificar os músculos, ajuda à saúde do seu cérebro e ainda aumenta os níveis de felicidade.

Se tem o desejo de diminuir a velocidade a que os anos passam ou si, ou isto é algo que a preocupa, então este artigo é para si. Isto, porque os investigadores da Escola de Medicina da Universidade do Minnesota descobriram uma nova forma de combater o envelhecimento.

 

Travar o envelhecimento com… Fruta

Como se ainda não conhecesse benefícios suficientes do consumo diário de fruta, damos-lhe mais um: travar o envelhecimento. Claro que nenhum ingrediente, por si só, vai ser eficaz, pelo que deve aliar um consumo moderado de fruta a outras componentes, como a prática de exercício físico.

Um estudo da Universidade de Birmingham provou recentemente, que, um grupo de pessoas com mais idade, que, durante as suas vidas praticaram exercício físico, tinham mostrado desafiar o processo de envelhecimento.

Este grupo foi comparado a outro composto por pessoas mais novas, que não tinham por hábito praticar exercício físico. Ora, o primeiro grupo não só mostrou melhores resultados quanto ao envelhecimento, como ainda revelou ter um sistema imunitário mais forte, mais massa muscular e ainda níveis de colesterol equiparáveis a pessoas mais novas.

Ficou com vontade de ir ao ginásio? Então damos-lhe agora vontade de ir comer. Mas não pense que a vamos incentivar a comer uma bola de berlim cheia de creme. Se quiser combater os sinais de envelhecimento, deve optar por uma boa peça de fruta. Quem o diz são investigadores da Universidade do Minesota, num estudo em parceria com a Mayo Clinic Proceedings. Este estudo prova que o a ingestão de alimentos ricos em fisetina ajuda a reduzir os efeitos do tempo.

 

Fisetina

A fisetina é uma substância flavonoide presente em algumas frutas e legumes, que ajuda a combater o envelhecimento, ao mesmo tempo que melhora a memória e a saúde em geral. À medida que envelhecemos, o mesmo acontece com as nossas células, que, ao atingirem certos níveis de danos e envelhecimento, entram num processo denominado senescência celular. Quando somos jovens, o nosso sistema imunitário tem capacidade para travar ou minorar os danos causados às células, mas também essas capacidades se vão perdendo com o avançar dos anos.

Neste sentido, o uso de fisetina ajuda a reduzir os danos causados pelo envelhecimento, promovendo a saúde das nossa células.

“Os resultados sugerem que podemos estender o período de saúde [das células], denominado pela quantidade de tempo em que a pessoa é saudável, mesmo no fim da vida”, explica Paul D. Robbins, um dos investigadores do estudo. No entanto, os estudiosos adiantam que ainda existem muitas questões que devem ser estudadas com via a perceber qual a quantidade diária necessária de fisetina para denotar resultados.

Estas conclusões foram apenas possíveis devido aos avanços tecnológicos e científicos. Isto, porque apenas agora se aprendeu a identificar se um tratamento está ou não a ser eficaz num grupo de células muito concreto.

Veja a galeria e descubra quais as frutas ricas em fisetina.


Leia também

https://www.womenshealth.pt/nutricao/outono-frutas-legumes-da-epoca/

Brand Story