Menu
Inicio Beleza Skinstagram é movimento de beleza do momento

Skinstagram é movimento de beleza do momento

Combater o acne através de gostos e partilhas? É mais ou menos isto que o movimento do momento sugere.

Skinstagram

Quando um problema aparentemente sem solução se transfirma numa história de sucesso e superação, tem tudo para ser inspiradora. E é este o caso do Skinstagram.

São muitos os que se sentem vulneráveis ​​e temem ser vistas sem maquilhagem. Não quererem de maneira nenhuma mostrar-se ao mundo com as borbulhas, espigos e manchas que a falta de maquilhagem deixa mostrar.

Se se identifica com o problema, tem de conhecer a história de Lou Nortcode. Uma jovem alta, de corpo tonificado que passou a maior parte da sua infância a sonhar vir a ser capa de revistas. Mas algo a parecia retrair constantemente.

“Sinto que fui modelo a minha vida inteira. Era algo que desde nova achei que faria para sempre, mas aos 16 anos comecei a ter acne”

A agência de modelos à que Lou pertencia deixou de a agenciar, expulsando-a por completo daquela indústria, até que a sua pele “estivesse limpa”. Foi quando a modelo começou a usar maquilhagem 24 horas por dia, sete dias por semana, para tapar todas as manchas e borbulhas. Ao mesmo tempo, foi vista por vários dermatologistas que lhe receitavam vários produtos antibióticos para cuidar da pele, para fazer com que a acne começasse a desaparecer.

Quando achou estar pronta para voltar à indústria de modelos, foi-lhe oferecida uma vaga como concorrente no Next Top Model Grã-Bretanha, que aceitou com entusiasmo. Mas o primeiro desafio do reality show foi remover toda a maquilhagem e ser fotografada com o rosto completamente limpo.-

“Só me lembro de me ter desculpado pela minha acne, como se fosse algo de que eu me devesse arrepender. “

Quando a participação de Lou no programa terminou, voltaram as tentativas de combater a acne . Mas agora com uma diferença: todo o país já tinha visto a sua verdadeira pele.

“Pensei: ‘Vou publicar uma foto da minha acne e falar sobre a minha luta contra este problema'”. O principal objetivo era encontrar alguém que se identificasse com o problema. “Tirei uma selfie deixando mostrar o meu rosto cheio de acne e publiquei-a no Instagram”

View this post on Instagram

HEY YOU! YES. YOU. Did you know you are beautiful? If you are saying no you are not then STOP! I spent so much of my life hating myself, saying horrible things to myself and not doing things because I hated who I was. I hated myself because of my acne, because my skin wasn’t flawless. The truth is NOONE has flawless skin. Showing ‘flawless’ images is a marketing tool to get you to buy things to ‘fix’ yourself or to cover things up or to paint yourself pretty. I love skincare, I love makeup but I wear it because I LOVE it not to CHANGE who I am. If you have someone who tells you otherwise they are not worth being around. If you follow an account that makes themself look flawless and makes you feel down then UNFOLLOW them! We are spending this time inside and a lot of time with ourselves and our own minds. Be POSITIVE during this time and NOT negative. Do what makes YOU happy! I have been baking, cooking, drinking wine, watching old movies, playing with makeup, making a fort out of bedsheets. Whatever you do don’t spend this time focusing on your skin or obsessing. In addition if you think you need to be more productive or make videos, get dressed, make a business etc and you are not. THAT IS OK! Spending this time chilling IS OK! Did you know that while we are spending this time inside nature is healing. There is less pollution that we can actually see the stars in London! Spend this time for you to also heal from the busy world. Wherever you are and whatever you are doing I want to send you sooo much love and I hope you are safe and well! . . #freethepimple #acne #acneawareness #acnepositivity #acnepositive #skinpositivity #skinpositive #skin #isolation #quarantine #stayhome

A post shared by Lou | acne positivity (@lounorthcote) on

Mas os comentários negativos nunca vieram. Além disso, a sua atitude ousada incentivou outros a fazer o mesmo. Pouco demorou a dezenas de pessoas enchessem o Instagram e Twitter para partilhar as suas próprias experiências com a acne.

#Skinstagrams + #FreeThePimple

Nos meses seguintes, Lou continuou a publicar conteúdos relacionados com a acne, respondendo aos seus seguidores com a sua experiência pessoal e conhecimento geral. Assim se criou o movimento ‘Skinstagrams’.

A par da hasthag, a modelo criou o @freethepimple_page, um fórum onde qualquer um pode contar sua história e usar a hashtag #freethepimple para incentivar mais pessoas com essa condição.

Somos todos Skingramers

Os esforços de Lou foram fundamentais para moldar o movimento Skinstagram. Tanto que outros ativistas e influenciadores já se juntaram à modelo para falar sobre acne nas redes sociais. Este movimento positivo da acne também foi inclusive aceite por celebridades como Kendall Jenner, Lili Reinhart e Bella Thorne.

“É realmente incrível pensar que estou a mudar a vida das pessoas”

Lou ainda sonha em estar numa capa de revista, mas desta vez, sem maquilhagem. Atreve-se a seguir o movimento?

Brand Story