Ver o Facebook do ex? Há um motivo científico que justifica

Numa era em que o Facebook domina tudo, se há tema que a ciência adora explorar é o comportamento humano perante relações amorosas. Especialmente quando estas terminam… e também quando há redes sociais à mistura.

Segundo uma investigação da Universidade do Estado de Ohio, nos Estados Unidos, uma boa parte das pessoas sente vontade de perceber como os/as ex estão na sequência do terminar da relação.

Diz a investigação que aqueles que sentem uma maior ansiedade em relação à rutura e assumem um maior compromisso, apresentam uma maior probabilidade de seguir vida dos/as ex nas redes sociais.

O estudo

Com o aparecimento das redes sociais, as relações amorosas nunca mais foram as mesmas. Na verdade, nada continuou a ser como era.

Para perceber o impacto que este tipo de ferramentas tem no comportamento das pessoas pós-separação, os cientistas decidiram passar a pente fino o tempo de uso, assim como o tipo de uso feito.

O questionário analisou a prevalência desta ‘perseguição’ online através do Facebook, quer por parte de homens como de mulheres.

“O compromisso permitiu prever o a angústia emocional depois da rutura. Este sentimento foi capaz de prever a monitorização do parceiro imediatamente depois do final da relação, particularmente nos casos daqueles que não iniciaram o final da relação”.

Uma das conclusões finais da equipa de investigadores é que a forma mais fácil de ultrapassar o final da relação é remover o/a ex da lista digital de amigos nas redes sociais.

Claro que cada caso é um caso e há situações em que a amizade pode continuar, mesmo depois do final do romance.

Dicas para superar o fim de uma relação. Clique nas imagens acima e saiba tudo!

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Ads

ARTIGOS RELACIONADOS


OUTROS CONTEÚDOS GMG


Send this to friend