Menu
Inicio Sexo Sexo e comida: Aprenda a brincar de forma segura

Sexo e comida: Aprenda a brincar de forma segura

Todas sabemos que brincar com comida durante o sexo pode ser super excitante, mas será que sabemos fazê-lo de forma segura?

Sexo e comida

Lembra-se daquela cena da série O Sexo e a Cidade em que Samantha cobria o namorado de chantilly?

Todas sabemos que brincar com comida durante o sexo pode ser super excitante, mas será que sabemos fazê-lo de forma segura? Talvez não!

Por vezes, os casais experimentam este tipo de prática e pensam que não há nada a temer. Mas há e, na verdade, é preciso ter alguns cuidados a ter.

Apesar de não ser necessário excluir este tipo de brincadeiras, os especialistas têm alguns alertas.

Em primeiro lugar, recomendam que se evite introduzir comida dentro da vagina. Lembre-se que a pele desta zona é mais sensível e pode irritar-se facilmente.

Depois, há que ter o mesmo cuidado com a vulva, ou seja, a parte externa do órgão sexual feminino.

 

Sexo e comida. Há permitidos?

Um dos alimentos permitidos pelos ginecologistas é o óleo de coco. O contacto entre o seu lubrificante natural e este alimento é seguro e agradável para o parceiro(a).

Com o chocolate não deverá dar problemas, mas importa ter especial cuidado com alimentos que possam provocar alergias ao parceiro(a), principalmente se estes forem picantes.

No entanto, o uso não é recomendado se utilizar o preservativo para se proteger durante a relação sexual, uma vez que este pode romper-se e ser menos eficaz contra possíveis infeções.

 

A RETER: a comida com a qual se escolhe brincar durante o sexo não tem riscos imediatos para a saúde (se lhe apetece untar o corpo do seu parceiro(a) com chocolate ou chantilly…força!), no entanto, é preciso ter cuidado com as brincadeiras nas zonas íntimas. Assim, neste último caso, deverá evitar a comida e optar por brinquedos sexuais para dar um novo toque às relações sexuais.

Brand Story