Menu
Inicio Nutrição Este é o segredo para escolher ovos frescos

Este é o segredo para escolher ovos frescos

Saber escolher ovos frescos vais mais além do que ver a data de validade presente na embalagem. Veja o truque para trazer os melhores ovos do supermercado.

Este é o segredo para escolher ovos frescos

Durante muito tempo havia o mito de que comer muitos ovos fazia mal à saúde devido aos níveis de colesterol. Hoje, fazem parte da rotina alimentar da maior parte das pessoas e o seu consumo é altamente recomendado. Isto, claro, se não tiver nenhuma patologia que indique o contrário. Na verdade, os ovos são alimentos bastante nutritivos.

Tanto a clara como a gema, as duas componentes do ovo, têm diversos benefícios para o organismo e este é um alimento muito recomendado em processos de perda de peso ou de ganho de massa muscular. Falamos de um alimento altamente proteico e contém apenas 2.7 g de gordura saturada por cada 100 g de ovo, de acordo com a Direção Geral da Saúde (DGS).

Outra vantagem é o facto de não terem um custo avultado e serem extremamente saborosos, sendo ainda fáceis de cozinhar e introduzir em diferentes tipos de receitas.

 

Como saber se os ovos são frescos?

Uma das grandes dificuldades quando compra ovos é garantir a sua frescura. Apesar de o primeiro passo dever passar por ler o prazo de validade que vem na caixa, deve sempre abrir a respetiva embalagem e garantir estão todos intactos, não tendo qualquer racha ou abertura na casca.

No entanto, antes de escolher qual a embalagem que vai selecionar – além do fator monetário – deve ainda ter em conta o tipo de criação da galinha. Neste campo existem quatro possibilidades: criação biológica, galinhas criadas ao ar livre, galinhas criadas no solo ou galinhas criadas em gaiola.

Não sabe como verificar a origem? Pode fazê-lo facilmente depois de saber que existe um código em cada embalagem que diz exatamente isto, como ilustra a imagem em baixo.

Identificação dos códigos no ovo. Imagem site DECO

 

Como devo conservar os ovos?

Talvez nunca tenha pensado muito sobre isto, além do facto de os guardar no frigorífico. E sim, deve mesmo guardar os ovos que compra no frigorífico, assim que chega a casa.
No entanto, a forma como os guarda também importa.

Segundo a Defesa do Consumidor (DECO), a melhor forma para conservar os ovos é colocar a parte mais fina virada para baixo. Além disto, os ovos devem apenas ser retirados do frio quando vão ser usados, evitando que sofram grandes alterações de temperatura, o que pode por em causa a sua validade.
Lembre-se de que nunca deve usar ovos ou qualquer outro alimento depois da data de validade indicada pelo fabricante. No caso dos ovos, a durabilidade não deve exceder os 28 dias depois de terem sido postos.

Se quiser garantir que os ovos que vai comer ainda estão bons basta colocar um recipiente com água e imergir o ovo nessa água. Se flutuar é porque o alimento não está em condições para ser ingerido. Idealmente, o ovo deve permanecer no fundo do recipiente com água.

Brand Story