Menu
Inicio Treino Saiba quantos exercícios de glúteos precisa de fazer para ver resultados

Saiba quantos exercícios de glúteos precisa de fazer para ver resultados

Se não sabe quantos dias deve treinar os seus glúteos para começar a ver resultados, este guia irá esclarecer as suas dúvidas.

Apertar os glúteos ajuda a tonificar?

Há muitas razões para trabalhar os glúteos. Duas delas são importantes: ajudam a evitar que as ancas fiquem demasiado apertadas e a pélvis estável. Mas sejamos realistas, a primeira razão que normalmente nos vem à mente é puramente estética: queremos um rabo mais tonificado e esculpido.

Qualquer que seja a sua intenção é importante seguir uma estratégia nos seus exercícios porque fazer agachamentos sem parar não só é aborrecido, como também não lhe vai necessariamente dar o bumbum que deseja.

Os especialistas recomendam que combine o treino de força com os movimentos da anca duas ou três vezes por semana.

Com que frequência é necessário fazer exercícios de glúteos para ver resultados?

Duas a três vezes por semana são suficientes. Os dias de recuperação no intervalo são igualmente importantes para a resistência dos glúteos.

Isto pode variar de pessoa para pessoa e depende largamente dos tipos de exercício que faz e do seu nível particular de experiência em treino, mas permitir dois ou três dias de descanso entre sessões, especialmente se tiver usado pesos, é uma boa ideia. Nesses dias pode treinar outros grupos musculares, por exemplo, pode fazer exercícios abdominais para tonificar.

Isto permitirá a recuperação e adaptação dos seus músculos ao estímulo aplicado na sessão anterior. Preste atenção a como se sente e a qualquer queda de força que observe de um exercício para o outro. Se notar que a sua força é significativamente menor no seu segundo dia, dê a si própria outro dia de descanso entre os treinos da semana seguinte e veja como se sente.

Erros a evitar ao treinar os glúteos

O maior erro que as pessoas cometem quando se trata de treinar os glúteos é não se concentrarem em exercícios específicos para esta zona.

Parece óbvio, mas é fácil pensar que certos movimentos da parte inferior do corpo têm como alvo os glúteos, quando na realidade se trabalha apenas outros músculos importantes na área glútea em geral.

Se o seu objetivo é concentrar-se nos glúteos e for para a máquina de pernas pernas, está a falhar, uma vez que estas máquinas têm como alvo principal os abdominais

Se o seu objetivo prioritário é desenvolver os seus glúteos, tem de escolher exercícios que os visem. E isso significa conhecer os três músculos glúteos: o mínimo, o médio e o máximo.

Brand Story