Menu
Inicio Beleza Sabe mesmo qual o seu tipo de cabelo?

Sabe mesmo qual o seu tipo de cabelo?

Liso, ondulado, encaracolado… na verdade, temos 12 tipos de cabelo a apontar.

Tem cabelo liso, mas com alguns ‘jeitos’ que não são bem ondas? Existe um produto para isso. Tem caracóis bem definidos mas que facilmente ficam secos e parecem crespos? Também há um produto para isso.

Sempre houve uma variedade imensa, mas cada vez mais o mercado presta atenção a esta falta de homogeneidade e oferece gamas específicas para cada tipo de cabelo. Excelente! Mas… saberá escolher os produtos mais indicados para si? Se souber ao certo qual o seu tipo de cabelo, terá a vida facilitada.

Neste artigo apontamos 12 tipos de cabelo, mas a verdade é que não há dois tipos de cabelo iguais e também não há um produto universalmente correto para cada tipo de cabelo. Vai depender da rotina, do estilo capilar que usa, do seu gosto pessoal… ainda assim, achamos importante que conheça bem os seus fios.

Quais são os tipos de cabelo existentes?

Para começar, importa saber que existem 4 categorias muito amplas de caraterizar os cabelos – liso (tipo 1, ou straight), ondulado (tipo 2, ou wavy), encaracolado (tipo 3, ou curly) e muito encaracolado (tipo 4, ou coily). Dentro de cada um destes, há três subcategorias (por exemplo 3a, 3b, 3c)

Ilustração: SANCHI OBEROI

Como saber qual o meu tipo de cabelo?

Vai parecer óbvio, mas a única maneira de realmente saber qual o seu tipo de cabelo é através da análise a um conjunto de fotos bem como do esquema que aqui partilhamos. Mas atenção: é importante lembrar que a maioria das pessoas não tem apenas um tipo de cabelo, sendo comum ter uma mistura de pelo menos dois tipos de subcategorias. Esta falta de homogeneidade é facilmente corrigida com os produtos certos mas, se tiver com o cabelo ao natural, sem qualquer produtos – e principalmente se o seu cabelo for encaracolado ou muito encaracolado – facilmente confirmará o que dissemos acima. Dito isto, é precisamente no estado mais natural do seu cabelo, sem produtos nem penteados, que deve comparar os seus fios com o esquema acima apresentado.

Tipo 1: Cabelo liso

O cabelo liso pode variar de fino e sedoso a grosso e volumoso. Mas algo que todos os tipos de cabelo liso têm em comum é o aspeto brilhante graças ao óleo do couro cabeludo que tem capacidade para deslizar facilmente pelos comprimentos dos fios, mantendo-os hidratados e saudáveis. Embora alguns críticos de cabelo argumentem que há apenas um tipo de cabelo liso, acreditamos que também para este tipo existe um conjunto de distintas texturas.

Tipo 1a

Os tipos de cabelo 1a tendem a ser os mais lisos, finos e sedosos do que os outros tipos de cabelo liso. Evitar que uma mola ou um elástico escorregue do seu cabelo liso requer poderes mágicos. Que nunca lhe falte: spray texturizador.

Tipo 1b

Os tipos de cabelo 1b também são super lisos, mas já têm algumas curvas e alguns fios mais grossos. O seu maior inimigo provavelmente são as raízes oleosas e/ou pontas secas. Que nunca lhe falte: shampoo seco.

Tipo 1c

Os tipos de cabelo 1c são mais grossos e ásperos, o que significa que também são mais propensos a frizz, volume e aspeto seco. Se o seu cabelo liso estiver danificado (demasiados químicos, tinta ou exposição ao calor), provavelmente tenderá a ficar com um cabelo de tipo 1c. Que nunca lhe falte: máscaras capilares semanais.

Tipo 2: Cabelo ondulado

O cabelo ondulado tende a ter curvas definitivas – e múltiplas – da raiz até às pontas. Ou seja, se o seu cabelo tem “apenas uma ou duas protuberâncias estranhas”, provavelmente está a lidar com um cabelo liso tipo 1, versus cabelo ondulado tipo 2. As ondas do tipo 2 podem variar de ondas de praia com aparência perfeita a curvas indefinidos.

Tipo 2a

Ao contrário do cabelo 1c, os tipos de cabelo 2a têm um padrão plano em forma de S que lhes dá aquele aspeto em onda. O cabelo 2a tende a ser mais fino e liso do que qualquer outro tipo 2, e pode ser facilmente alisado. Que nunca lhe falte: sprays de sal marinho para estimular a onda natural.

Tipo 2b

Os tipos de cabelo 2b tendem a ter ondas em forma de S um pouco mais definidas – geralmente com uma espessura fina e/ou média – e são um pouco mais propensos a frizz, especialmente se o seu cabelo estiver danificado. Que nunca lhe falte: uma mousse que realce as ondas.

Tipo 2c

Os tipos de cabelo 2c são essencialmente definidos pelas ondas em forma de S, mas também podem ter alguns cachos soltos e com texturas mais grossas (já que estão bem próximos das caraterísticas dos caracóis tipo 3). As ondas 2c tendem a frisar facilmente e a perder a definição rapidamente. Que nunca lhe falte: um creme leve para caracóis.

Tipo 3: Cabelos encaracolados

Para que faça parte do clube dos cabelos encaracolados, o seu cabelo deve apresentar caracóis a sério – ou seja, madeixas que se enrolam em torno de si mesmas como uma mola, versus pedaços que apenas ondulam para frente e para trás num formato de S. É comum – e provável – ter uma mistura de texturas de caracóis (bem como algumas ondas!)

Tipo 3a

Ao contrário do cabelo 2c, que tem principalmente ondas e alguns caracóis soltos, o cabelo 3a é principalmente constituído por caracóis soltos com apenas algumas ondas. Os caracóis do 3a tendem a ser mais finos e super reativos aos elementos naturais como humidade, Vento e tempo seco. Que nunca lhe falte: uma mousse que define os caracóis.

Tipo 3b

Os tipos de cabelo 3b geralmente têm caracóis que são a circunferência do seu dedo ou um de uma caneta grossa. Estes caracóis são mais elásticos e apertados do que os do 3a, mas também são mais propensos ao frizz e aspeto demasiado seco. Que nunca lhe falte: um condicionador leave-in.

Tipo 3c

Os caracóis do 3c são visivelmente mais apertados do que os cachos 3b – pense no tamanho de um lápis – e são densamente agrupados, dando maior volume ao seu cabelo. Eles também são os mais propensos a secar. Que nunca lhe falte: um óleo capilar hidratante.

Tipo 4: Cabelos muito encaracolados

Também chamados de “crespos ” ou “ziguezague”, podem ser uma mistura de texturas que variam de um padrão de mola bem enrolado (formato em S) a um padrão em ziguezague que na verdade não se enrola em torno de si mesmo (formato em Z). Por causa das suas dobras e ângulos, os óleos do couro cabeludo não podem lubrificar facilmente os fios de cabelo, tornando o cabelo tipo 4 o mais frágil, seco e propenso a danos de todos os tipos de cabelo. No entanto, é também o mais versátil para modelar.

Tipo 4a

O cabelo 4a tem os caracóis mais apertados e finos – geralmente misturados com alguns caracóis de tipo 3c – que mal podem circundar uma agulha de crochê. Estes caracóis podem perder definição e humidade rapidamente. Que nunca lhe falte: Um gel de caracóis para enrolar com os dedos.

Tipo 4b

Em vez de enrolar em torno de si mesmo, os caracóis do cabelo 4b (e c!) dobra-se em forma afiada em ziguezague, com a circunferência de uma mola em torno de uma esferográfica. O cabelo 4b é mais propenso a encolher e secar do que o 4ª. Que nunca lhe falte: um gel de alongamento e hidratação.

Tipo 4c

O cabelo 4c tem um padrão em forma de Z que é muito mais apertado do que o cabelo 4b. Naturalmente, também tem menos camadas de cutícula do que qualquer outro tipo de cabelo (A cutícula retém a hidratação e protege o cabelo contra dano externos), o que significa que precisa de muita humidade. Que nunca lhe falte: um creme rico em emolientes para os seus penteados.

Brand Story