Menu
Inicio Beleza 9 bases para todos os rostos

9 bases para todos os rostos

Escolher a base correta não é uma tarefa tão simples como desejaríamos e não, não se cinge ao simples ato de olhar para a embalagem e avaliar a cor que lá está.

O nome não engana: As bases são o ponto de partida para processo de maquilhagem e que têm como objetivo fazer do nosso rosto uma tela pronta para ser usada.

Uniformizar o tom, esconder manchas e manter as imperfeições despercebidas são as funções deste cosmético que é e continuará a ser um must-have de qualquer rotina de beleza, podendo mesmo ser o único produto usado em alguns casos (os mais preguiçosos, claro).

Mas nem todas as bases são adequadas.

 

Bases há muitas, mas é preciso saber eleger a melhor

Escolher a base correta não é uma tarefa tão simples como desejaríamos e não, não se cinge ao simples ato de olhar para a embalagem e avaliar a cor que lá está.

Aplicar um pouco de base no pescoço e as costas da mão é uma das técnicas mais comummente usadas na hora de escolher o tom, mas fique já a saber que se trata de um método completamente errado.

Para que a escolha seja a mais acertada deve-se aplicar uma pequena quantidade de base no osso da mandíbula, que é a zona do rosto que menos variações de pigmentação tem. Pode fazê-lo com os dedos ou com um pincel.

Em alguns casos, o tom ideal de base pode passar pela mistura de duas bases. Aqui, o processo tentativa-erro é o mais recomendado.

Contudo, e tal como acontece com qualquer outro cosmético ou produto dermatológico, o principal fator para uma escolha correta é sempre o tipo de pele que se tem.

Uma vez que a base vai ser aplicada ao longo de todo o rosto, convém que seja a que melhor de adapta às necessidades cutâneas, sob a pena de aumentar a oleosidade, proporcionar poros fechados ou até mesmo agravar condições cutâneas.

 

Outros aspetos a ter em conta na hora de eleger a melhor base

O tipo de base em si, se líquida, cremosa, em pó ou mousse é um dos fatores a avaliar, pois a base em pó, por exemplo, não é a mais indicada para o verão, visto que além de não oferecer hidratação, pode mesmo ‘escorrer’ com o suor.

Depois, pode ainda importar se tem ou não proteção solar (não confundir com BB Cream ou CC Cream). Se preferir uma rotina super minimalista, então pode aderir aos dois em um que são os protetores solar com cor – e temos aqui opções para si!

A capacidade de cobertura, sendo a base líquida a mais eficaz, é um outro aspeto a ter em conta, porém, aqui entra um conceito que tem de ter sempre em mente: a obstrução dos poros.

Para evitar males maiores ou agravamentos desnecessários, a base tem de ser comedogénica, isto é, fluida e sem interferir com os poros.

Algumas bases à venda no mercado estão já adaptadas às necessidades mais comuns e possuem propriedades que combatem a densidade das rugas, atuando como um aliado do creme usado diariamente,

Nas imagens acima pode ficar a conhecer algumas das melhores opções.

 

https://www.womenshealth.pt/beleza/10-bronzers-ficar-ja-cor-ir-ferias/

Brand Story