Menu
Inicio Perder Peso Menos 9kg e o primeiro trail aos 44 anos. “Nunca é tarde!”

Menos 9kg e o primeiro trail aos 44 anos. “Nunca é tarde!”

Não foi pela estética, mas sim pela falta de bem-estar e boa disposição que Paula Santos encontrou no exercício-físico um essencial ao seu quotidiano.

Paula Santos

44 anos, um estilo de vida sedentário, uma alimentação que achava ser a melhor e nenhum interesse por exercício físico levaram Paula Santos aos 59 kg, um peso que já havia visto na balança, durante os tempos de faculdade, e que na altura tentou lutar “com aquelas dietazinhas milagrosas de deixar de comer. E depois voltava tudo ao mesmo, porque nunca levava nada a sério”, recorda.

Mas desta vez, sentiu que estava na pior fase da sua vida adulta: “No trabalho, passo o dia todo sentada e ao levantar-me sentia imensas dores de costas. A estender roupa, nem aguentava os braços. Assim não podia ser. Não estava na terceira idade’ e assim, por mim e pelos meus filhos, decidi mudar”, conta à Women’s Health.

Paula Santos

Ginásio e não só

A mudança começou no ginásio, com acompanhamento de personal trainer que ainda hoje mantém (e a ajudou muito durante a quarentena), com treinos essencialmente de musculação. Depois, desafiada por amigos, aceitou arriscar-se nos trails, onde encontrou a sua energia. Na primeira prova, “dei cabo de um joelho, por isso fiquei-me pelos 26 km, mas fiquei viciada naquilo”, conta-nos.

Um amor nunca vem só

Após recuperar o joelho, Paula participou numa corrida de 18 km que lhe ficará para sempre na memória: “Foi no dia da Mãe e eu só tinha um objetivo em mente: chegar ao fim, sem nunca parar. Nunca pensei que terminaria em primeiro lugar do meu escalão!”. Um feito que deixou o vício pela corrida e trails ainda mais definidos. E por isso, mesmo com as competições em pausa por culpa da Covid-19, Paula continuou nos trails “com amigos e a título individual”.

A Paula do passado

“Quando era mais nova, queria tudo para ontem. Experimentamos tudo e não damos uma oportunidade ao tempo. Não acreditamos que o esforço dá resultados e dá trabalho”. “Os meus resultados só chegaram ao fim de um ano”, realça Paula, como que falando com o seu eu de 19 anos.

Mais forte e mais feliz

Quando mudou de hábitos, Paula ouvia comentários muito pouco motivadores como ‘porquê agora? Já és casada”. Mas em nenhum momento esta falta de apoio a abalou, pelo contrário. “Já não tenho idade para isso”, admite, focando-se nos seus, como a filha de 17 anos que a acompanha nos treinos e as colegas que lhe reconhecem como exemplo”.

Paula Santos

À pressão:

  • Lema de vida: nunca é tarde
  • O que deixava de fazer devido à sua imagem e de que já não se priva? Vestir biquíni!
  • Peça de roupa que não vestia e agora adora? O biquíni, sem duvida!
  • Parte do corpo em que nota mais diferença? Pernas
  • Snack favorito? Fruta, sempre! Ou ovos
  • Banda sonora de eleição? Stronger, da Kelly Clarkson
  • Desporto de que não abdica? Trail

Brand Story