Menu
Inicio Novidades Lisbon Art Stay: o espaço que conjuga o estilo pombalino com o...

Lisbon Art Stay: o espaço que conjuga o estilo pombalino com o alternativo

O Lisbon Art Stay adora criar espaços de convívio para comer e beber.

hotel navega
Lisbon Art Stay

Foi no restaurante Navega, no hotel Lisbon Art Stay, no meio da Rua Augusta, em Lisboa, que a Women’s Health celebrou os 8 anos da revista em Portugal. Uma data que é marcada com o lançamento da edição de abril, protagonizada por Sara Matos.

O Lisbon Art Stay é um projeto familiar que tem vindo a crescer de apenas um apartamento para alugar ao hotel de cinquenta e dois quartos que é hoje. Com uma base de criação de duas mulheres icónicas, o conceito Navega é “livre, artístico e
despretensioso”, como descreve Francisco Remondes do departamento de marketing do espaço.

Para quem procura uma estadia diferente, este hotel é uma lufada de ar fresco com um design da pintora, designer e artista digital Chiara Gerer. “O ambiente é de uma selva moderna, as paredes estão cobertas por retratos de figuras familiares na vida da artista, o balcão principal é decorado com cerâmicas que se assemelham a escamas de peixe e não existe uma cadeira igual à do lado”, refere Francisco Remondes.

O Hotel

Localizado numa zona turística, a poucos passos do Elevador Santa Justa e do Castelo de São Jorge, o Lisbon Art Stay oferece quartos concebidos individualmente de forma única e apartamentos pombalinos luxuosos com vistas sobre os bairros mais enigmáticos de Lisboa.

Dentro do hotel pode explorar os corredores coloridos repletos de obras de arte pintadas por Chiara Gerer, celebrando Amália, Almada Negreiros, Camões e muitas outras lendas locais.

O Restaurante

Dentro do hotel encontra-se o restaurante Navega que se dirige a “quem quiser uma noite diferente, um dia diferente ou uma tarde diferente. Quem gosta de arte. Quem gosta de música. Quem gosta de comer, de beber e de experimentar. Quem gosta de rir. Quem gosta de estar com amigos, com a família e quem quer sempre juntar mais uma cadeira à mesa”, aponta Francisco Remondes.

O restaurante é gerido por mais uma mulher, Mariana Axel, que juntamente com Chiara Gerer edificaram o Navega com base no conceito de “valores de inclusividade e gosto por partilhar o melhor que têm para oferecer como empresa e como cultura, e nunca perder o foco na contínua busca de trazer mais e melhor”.

No Navega vai encontrar diversidade. Os menus são sazonais, para que haja sempre algo novo a experimentar. O conceito dos pratos criados pelo chef Marcus Stoll tem um ponto de partida português. Dos 30 elementos que compõem o menu, todos eles de confeção caseira, merecem ser destacados a Açorda de Camarão com coentros e um bisque picante, o pica-pau de lombo de novilho, os croquetes de bochecha de porco ibérico servido com molho barbecue de amoras selvagens e a posta de bacalhau cozinhada a baixa temperatura servida numa cama de puré de grão-de-bico.

Para além do restaurante, também vai encontrar diversidade no bar. Com uma carta especialmente criada para o espaço com um conjunto de 15 cocktails de autor. Francisco Remondes diz: “Fazemos diariamente preparações caseiras onde nos aproveitamos da típica castanha portuguesa para criar uma horchata de especiarias e ‘’aquecer’’ o nosso Summer in São Martinho, da clássica pera rocha para infundir com gin e orquestrar um Pearly Legal, do inconfundível vinho do porto ruby que se transforma em shrub de vinagre de sidra e que fortifica o nosso cocktail After Midnight”.

Brand Story