Menu
Inicio Novidades Lady Gaga, Salma Hayek e a cena de sexo que foi cortada...

Lady Gaga, Salma Hayek e a cena de sexo que foi cortada de Casa Gucci

Segundo Lady Gaga, a cena foi cortada do filme, dizendo aos fãs que há “um lado deste filme que não se viu”.

Lady gaga
Fotografias: Instagram oficial @ladygaga e @salmahayek

O filme Casa Gucci tem um pouco de tudo: luxo, assassinato, ciúmes, escândalo. O que é que não tem? Lady Gaga e a Salma Hayek a envolverem-se sexualmente – mas isso não significa que Gaga não tenha tentado ter essa cena no grande ecrã.

Num recente Q&A, Lady Gaga revelou que ela tentou que uma cena de sexo com Salma Hayek entrasse na versão final do filme Casa Gucci – mas a cena acabou por ser cortada.

O filme – que se baseia no livro ~de 2011 The House of Gucci: A Sensational Story of Murder, Madness, Glamour, and Greed – conta a verdadeira história de Patrizia Reggiani (interpretada por Lady Gaga) que se casa como herdeiro da casa Gucci, Maurizio Gucci, e eventualmente planeia o seu assassinato. No filme, Hayek retrata a parceira de crime de Patrizia, Giuseppina “Pina” Auriemma.

Durante uma conferência de promoção do filme, Lady Gaga revelou que imaginava que a relação de Patrizia e Pina estava a ficar um pouco mais séria após o assassinato de Maurizio.

“Há toda uma faceta deste filme que não se viu onde Pina e eu desenvolvemos uma relação sexual”, disse Gaga durante a conferência. “Lembro-me de estar no set com a Salma e dizer: ‘Então, depois da morte de Maurizio, as coisas aquecem?'”.

Enquanto a audiência ria, Hayek acrescentou: “Ela não está a brincar”.

Embora o filme tenha tomado algumas liberdades com a verdadeira história de Gucci, incluir uma relação sexual entre as duas mulheres seria certamente um afastamento do que é conhecido da relação da vida real de Patrizia e Pina.

Embora as duas mulheres fossem as melhores amigas e co-conspiradoras no assassinato de Maurizio Gucci, não há provas reais de que fossem mais íntimas do que isso. Mas não se pode censurar Gaga por tentar. Afinal de contas, é Salma Hayek.

Brand Story