Menu
Inicio Sexo Fazer isto pode ajudá-la a ultrapassar uma discussão mais facilmente

Fazer isto pode ajudá-la a ultrapassar uma discussão mais facilmente

Se não gosta de sair de casa ou deitar-se chateada, este estudo vai ajudá-la a evitar que pequenas querelas ganhem proporções maiores.

Por vezes, um bate-boca sobre quem se esqueceu de deitar fora o lixo antes de sair para o trabalho pode tornar-se numa crise existencial sobre o estado da vossa relação. De repente, com o escalar da tensão, começam a virar-se de costas um para o outro, o que pode provocar a sensação de que existe uma ponte a ruir entre vocês.

Se não gosta de sair de casa chateada ou prefere deitar-se em paz com a sua cara-metade, um novo estudo pode ajudar a evitar que estas pequenas querelas ganhem proporções maiores. Ao abraçar a outra pessoa, depois de uma discussão, vai diminuir o nível da disputa e vão ambos ficar mais bem-dispostos. Abraçarem-se pode fazer com que as mudanças de humor reduzam e que o conflito diminua.

Durante duas semanas, os investigadores da Universidade Estadual do Arizona, nos Estados Unidos, estudaram as discussões, o humor e e sensibilidade interpessoal de 404 pessoas. Os resultados mostraram que aqueles que se tinham aninhado com os seus parceiros, no mesmo dia do conflito, demonstraram não ter sido tão afetados pelas emoções negativas e pela disputa em si. Os sentimentos negativos tiveram um reflexo menos intenso tanto nas mulheres como nos homens analisados.

 

Mil e um motivos para abraçar quem gosta

Não se esqueça do enorme poder do contacto físico! Ao abraçar quem gosta, não só é possível melhorar a relação, como manter níveis de bem-estar mais elevados. Além disso, abraçar o seu companheiro pode ainda aliviar o stress e reduzir os níveis de dor. Isto acontece, devido ao facto de, quando abraçamos alguém, o nosso corpo produzir mais serotonina, um neurotransmissor que aumenta o bom humor. Ao mesmo tempo, a produção de cortisol, uma das principais hormonas do stress, diminui.

As vantagens de abraçar a sua cara-metade não ficam por aqui, já que os investigadores garantem que também ajuda a normalizar a pressão arterial e a permitir que relaxe, ao causar uma diminuição da amplitude das ondas cerebrais. Quando estamos mais relaxados, ou num estado ‘zen’, tendemos a sentir-nos mais satisfeitos.

Artigo via Women’s Health


Leia também

https://www.womenshealth.pt/sexo/sexo-9-posicoes-um-orgasmo-garantido/

Brand Story