Menu
Inicio Beleza Risco. Infarmed retira do mercado máscara de rosto

Risco. Infarmed retira do mercado máscara de rosto

A máscara de rosto Hydra-Suction Black Mask, da Pil’Aten, vai deixar de ser comercializada em Portugal por ordem do Infarmed.

A máscara de rosto Hydra-Suction Black Mask, da Pil’Aten, vai deixar de ser comercializada em Portugal por ordem do Infarmed.

Segundo a Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, “a rotulagem não cumpre com o Regulamento (CE) n.º 1223/2009, de 30 de novembro” e, por isso, “o Infarmed ordena a suspensão imediata da comercialização e a retirada do mercado de todas as unidades do referido produto”.

Tanto as embalagens unidose e como as de 60 gramas deixam de poder ser comercializadas em Portugal.

 

Infarmed retira do mercado máscara de rosto

A nota partilhada pelo organismo no seu site diz que “a utilização deste produto pode colocar em sério risco a saúde humana” e que “os consumidores que disponham deste produto não o devem utilizar e podem contactar a empresa VirtualVantagem Unipessoal, Lda. através dos seguintes endereços de e-mail: [email protected], [email protected] e [email protected]”.

Diz o Infarmed que foi a Autoridade Competente Checa a primeira a detetar o risco e que Hydra-Suction Black Mask, da Pil’Aten, tem “origem desconhecida”.

A Pil’Aten SkinCare nasceu em 2008 na China e tem também escritórios nos Estados Unidos. No ano passado começou a disponibilizar os seus produtos em lojas em Itália, Espanha e Polónia.

Brand Story