Menu
Inicio Running Há um tamanho de peito demasiado grande para correr?

Há um tamanho de peito demasiado grande para correr?

A corrida é um exercício de cardio que impacta várias zonas do corpo. Resta saber em quais destas zonas o impacto é positivo.

Há um tamanho de peito demasiado grande para correr?

 

Quem tem o peito grande sabe do que falamos. Correr pode por vezes ser doloroso. Esta realidade é especialmente confirmada se não o fizer com o soutien mais adequado ao seu corpo.

É María Jesús García-Dihinx, cirurgiã plástica espanhola, quem aponta que correr é uma atividade benéfica para todo o corpo. Exceto para o peito. Mas há formas de contrariar os efeitos negativos que esta boa prática poderia trazer.

Como é que a corrida a afeta?

Seja neste ou noutro treino de grande impacto, o movimento cria um deslocamento e distensão dos tecidos. Como consequência desta fricção, há rotura dos tecidos e o peito descai.

O primeiro passo para prevenir este mal passa pela roupa desportiva certa. Cada vez mais as marcas desportivas apostam em peças para diferentes corpos, aumentando a opção de escolha para um maior leque de mulheres. Roupa adequada a diferentes desportos deve ser também considerada, pois o soutien que utiliza para correr deve suportá-la melhor do que aquele que usa para praticar Yoga, por exemplo.

Ainda assim, ressalva Maria Jesús, quanto maior a copa, maior o risco de o peito sofrer e o motivo resume-se a uma maior inércia. É por isso que, enquanto cirurgiã plástica, a especialista recebe muitos pedidos de redução de peito por parte de atletas que veem a sua performance prejudicada pelo próprio corpo.

Mas a necessidade de parar de correr, ou mesmo diminuir o peito, vai sempre depender de como uma mulher se sente. Nesta sensibilidade é de extrema importância que a mulher saiba ouvir o próprio corpo e interprete racionalmente eventuais sinais que o mesmo dá após os treinos de corrida.

Em suma, são poucos os casos em que correr não é uma opção. Se a mulher sofre de dores com tais exercícios, possivelmente sofrerá de má postura no dia-a-dia. Nestes casos, mais do que estética, a redução mamária é aconselhada por questões de saúde.

Assim sendo, deve-se ou não apostar nos treinos de grande impacto? Não se fique pelo lado mau, existem vários benefícios associados a este tipo de treino. Percorra as imagens da fotogaleria e conheça os prós e contras.


Leia também:

O que correr todos os dias pode fazer à pele

Brand Story