Menu
Inicio Saúde Estudo coloca em causa segurança dos copos menstruais

Estudo coloca em causa segurança dos copos menstruais

copos menstruais

Tornar a menstruação o menos penosa possível é objetivo de qualquer mulher e os tampões e copos menstruais oferecem um conforto e segurança que nem sempre é possível obter com os pensos higiénicos.

Mas, numa altura em que muito se fala do potencial risco do uso de tampões, eis que um novo estudo vem agora colocar também em causa ambas as opções.

E pior: Os copos menstruais podem não ser tão inofensivos como pensamos!

De acordo com a Universidade de Lyon, em França, esta alternativa ao tradicional tampão e penso higiénico pode ser, na verdade, mais nociva para a saúde da mulher.

 

O risco dos copos menstruais

Depois de analisarem um conjunto de 11 tampões (orgânicos e normais) e de quatro copos menstruais, os cientistas notaram que qualquer uma das opções porta o risco de acumulação e propagação de bactérias.

Publicado na revista Applied and Environmental Microbiology da Sociedade Americana de Microbiologia, o estudo revela que os copos menstruais podem também aumentar o risco de síndrome de choque tóxico.

Em causa está a presença da bactéria Staphylococcus aureus e da toxina de choque tóxico TSST-1 – que também podem aumentar aquando do uso de tampões, sejam orgânicos ou não.

“Observamos um maior crescimento de S. aureus e de produção de toxinas em copos menstruais do que em tampões, potencialmente devido ao ar adicional introduzido na bolsa pelos copos, com diferenças baseadas na composição e no tamanho do corpo”, lê-se no estudo.

 

O que é a síndrome do choque tóxico

A síndrome do choque tóxico é uma doença inflamatória rara causada pela acumulação e propagação de toxinas bacterianas.

Na base deste problema estão, por norma, as bactérias Gram-positivas Staphylococcus aureus e Streptococcus pygenes. A primeira está presente de forma natural na pele, nariz, axilas e vagina de pessoas saudáveis.

https://www.womenshealth.pt/saude/usa-produtos-higiene-intima-melhor-nao-voltar-faze-lo/

Brand Story