Menu
Inicio A WH testou #aWHtestou. “Estas sapatilhas despertaram-me o interesse para a corrida”

#aWHtestou. “Estas sapatilhas despertaram-me o interesse para a corrida”

Nunca fui amante da corrida, mas admito que as sapatilhas de running Deviate Nitro Elite da Puma despertaram o meu interesse para esta modalidade.

* Na rubrica #aWHTestou, a redação Women’s Health atreve-se a experimentar novidades que chegam ao mercado e a contar a sua experiência na primeira pessoa.

A corrida nunca foi o meu desporto de eleição, no entanto, confesso que também nunca dei uma oportunidade realmente digna a esta modalidade e as vezes que tentei, não tinha o equipamento adequado para tal.

Como podem imaginar, o resultado não foi o melhor – desmotivação e uma certeza quase inabalável que a corrida não era para mim. E, de facto, não tem de ser, mas também não gosto de desistir sem ter tentado da melhor forma que poderia.

Para tirar a prova dos nove, arranjei o material necessário – um bom sutiã desportivo e as novas sapatilhas de running Deviate Nitro Elite da Puma.

Deviate Nitro Elite, Puma, 200€

Para começar, experimentei estas sapatilhas no ginásio, na passadeira, e em todo o meu treino de força. Embora as use mais em contexto de ginásio também fui correr com elas para a rua. Fiquei surpreendida com o resultado.

O destaque principal vai para o seu peso. Sinceramente penso que nunca experimentei umas sapatilhas tão leves e confortáveis. Pode soar a exagero, mas até o simples andar parecia mais facilitado. Além disso, sempre que treino com estas sapatilhas, sinto que a minha performance nos exercícios com impacto é melhor.

Composta por uma malha macia, estas sapatilhas foram criadas com uma forma específica projetada para o pé feminino, proporcionando um calcanhar mais estreito, um passo mais baixo e um formato de arco esculpido.

Os três pilares do vencedor

Além de serem compostas por duas camadas da espuma Nitro Elite combinada com uma de fibra de carbono, as running Deviate Nitro Elite combinam três caraterísticas essenciais para qualquer corredor: capacidade de resposta, amortecimento e leveza.

Esta é a combinação perfeita para conseguir uma corrida sem que lhe pareça impossível fazer os quilómetros pretendidos. Depois de ter experimentado estas sapatilhas, mudei a minha perspetiva sobre a corrida e senti-me mais motivada para implementar esta modalidade na minha rotina de treino.

Vanessa Pina Santos é jornalista da Women’s Health, pratica yoga, é uma amante das modalidades mais holísticas e, desde março deste ano, está a descobrir-se no mundo do ginásio.

Brand Story