Menu
Inicio Saúde É verdade que o coração pára quando espirramos?

É verdade que o coração pára quando espirramos?

Quando alguém espirra temos tendência a dizer ‘santinho’ ou ‘saúde’. Mas, sabes por que é que o fazemos – além de uma questão de educação?

Quando alguém espirra temos tendência a dizer ‘santinho’ ou ‘saúde’. Mas, sabes por que é que o fazemos – além de uma questão de educação?

De acordo com a The Library of Congress, existem várias origens para darmos essa resposta, mas todas elas se centram na mesma idéia: Quando diz “saúde”, está a proteger a pessoa da possível morte, depois de o coração da pessoa parar devido ao espirro.

Parece-lhe super estranho, mas também, um pouco possível?! Então é necessário compreender que tipo de impacto é que espirrar tem no coração.

O que exatamente acontece quando espirra?

Pense num espirro como um mecanismo de defesa. “É um comportamento instintivo projetado para limpar o nariz de poeiras e detritos”, diz Christopher Kelly, cardiologista. “Basicamente, quando a parte interna do nariz fica irritada, você fecha os olhos, respira profundamente e os seus músculos do peito tiram o ar dos pulmões a alta velocidade. Depois, sopra pelo nariz e limpa o que seu corpo acha que não deveria estar lá”, continua o especialista.

Mas e toda essa conversa de parar o coração?

Este é um daqueles mitos que tem um pouco de verdade”, diz Benjamin S. Bleier, otorrinolaringologista da Mass Eye and Ear (EUA). “Pense na posição do coração no corpo. É bem perto dos pulmões e do peito, pelo que, respirar fundo (o que é aconselhável antes de espirrar) pode ativar um nervo chamado nervo vago (que liga o cérebro a uma parte do cólon)”, diz Bleier.

Entre as suas muitas outras responsabilidades, o nervo vago envia um sinal para o coração desacelerar. Por isso, algumas respirações profundas podem ajudar a diminuir a frequência cardíaca e acalmá-la, também quando se sente stressada.

Em alguns casos pessoas, a respiração profunda que ocorre no início de um espirro pode ativar o nervo vago de tal forma que o ritmo do coração diminui rapidamente”, diz Kelly. Mas não se preocupe: “O coração vai continuar a funcionar normalmente durante um espirro, sem nenhum efeito percetível”.

E mesmo que o seu coração diminua a intensidade do batimento durante um segundo, não é realmente nada com que se deva preocupar. “O coração bate, em média, cerca de 70 a 90 vezes por minuto”, aponta Kelly. O problema verdadeiro, no entanto, surge quando o coração realmente para por mais de quatro segundos, dado que isto pode levá-la a desmaiar. Mas, novamente, isso não deverá acontecer com um espirro”.

Veja a galeria e descubra como evitar passar o dia a espirrar!


Leia também

Sangue nas gengivas? Atue assim o quanto antes

 

Artigo via Women’s Health

Brand Story