Menu
Inicio Saúde O que são os eletrólitos e por que precisamos tanto deles?

O que são os eletrólitos e por que precisamos tanto deles?

Qual a sua verdadeira importância para o organismo? Se pratica desporto, este tema é especialmente relevante para si.

O que são os eletrólitos e por que precisamos tanto deles?

 

Bebidas formuladas para desportistas e mil e um produtos que prometem repor os níveis de eletrólitos estão por todo o lado. Foi em 1965 que as bebidas de fitness começaram a chamar à atenção dos desportistas, com o lançamento de alguns produtos com cores néon. O objetivo era repor os níveis de eletrólitos, assegurando que estavam normais para a aguentar a intensidade dos treinos.

Hoje, as bebidas de desportistas são apenas um dos tipos de suplementos que estão disponíveis num mercado cada vez mais vasto. Desde géis, pastilhas, comprimidos, bebidas e até pós, este é um mundo em crescimento.

 

Mas, o que são exatamente eletrólitos?

Falamos de um componente que se encontra em alimentos como os cereais integrais, as bananas e as batatas-doces. No fundo, trata-se de minerais que têm uma carga elétrica.

Uma vez que estão no organismo, os eletrólitos têm duas funções principais: Primeiro, balanceiam a quantidade de água presente no organismo para ajudar a função celular e, em segundo lugar, ajudam a dar mais ‘gás’ aos impulsos nervosos. “Esses impulsos permitem aos músculos contraírem-se, o que faz com que o coração continue a bater e o corpo se mova”, explica Allison Childress, professora de Ciência Nutricional na Tech University, no Texas (EUA).

Além disso, este composto também é responsável por manter o organismo hidratado. Quando suamos, perdemos água, eletrólitos como o sódio, potássio, cálcio, magnésio, fósforo e cloro. Sem a quantidade certa destes nutrientes no organismo, não vai conseguir reter e manter os níveis recomendados de água, que perde durante um treino ou num dia mais quente, o que pode levar a desidratação.

 

Devemo-nos preocupar com a quantidade de eletrólitos disponíveis?

Eles são fundamentais e essenciais ao bom funcionamento do organismo, por isso são importantes. Mas, na maioria dos casos, encontrar o equilíbrio de eletrólitos é como ter oxigénio suficiente: fazemo-lo sem termos de nos esforçar em demasia.

“No caso de pessoas saudáveis, o organismo geralmente faz um ótimo trabalho na manutenção do equilíbrio dos fluidos”, adiante Ritanne Duszak, treinadora de corrida e Triatlo norte-americana. Se estiver hidratada e a comer normalmente, provavelmente os níveis de eletrólitos estão normais. A alimentação é uma fonte de eletrólitos natural (veja a galeria e saiba os alimentos mais ricos neste composto).

Ainda assim, existem algumas exceções à regra. Como perdemos eletrólitos através do suor, se tiver períodos super ativos ou se estiver exposta a um clima muito quente, é possível que vá ter de fazer um esforço extra para repor estes níveis. Isto, porque corre o risco de ficar desidratada e até ‘zonza’. O mesmo acontece caso tenha estado a vomitar ou com diarreia, fatores que causam um desequilíbrio nos níveis dos fluidos.

Se quiser optar por uma via mais natural e afastar-se das bebidas ou produtos reforçados, existem alguns alimentos que deve incluir na sua dieta para garantir que repõe os níveis de eletrólitos.

Veja a galeria e descubra os alimentos que são, naturalmente, ricos em eletrólitos!


Leia também

Olá Primavera, adeus alergias!

Artigo via Prevention

Brand Story