Menu
Inicio Perder Peso Esta é a dieta que a vai deixar fit em poucos dias

Esta é a dieta que a vai deixar fit em poucos dias

É dieta muito restritiva, que exige rigor e disciplina e que implica um curto espaço de tempo de realização.

A dieta militar é um plano alimentar norte-americano, mas que nada associa às tropas ou ao regime alimentar destas.

O seu nome deve-se ao facto de ser uma dieta muito restritiva, que exige rigor e disciplina e que implica um curto espaço de tempo de realização.

Conhecida por queimar gordura, acelerar o metabolismo e emagrecer, potenciando de forma rápida a perda de peso, a dieta militar tem uma duração máxima de três dias. Mas, não, não vai comer apenas durante três dias em cada semana.

 

Como funciona?

Quem segue este tipo de regime tem de dedicar por semana apenas três dias à dieta militar, restringindo as suas refeições somente ao pequeno-almoço, almoço e jantar. Nos restantes dias pode e deve comer de forma saudável, variada e equilibrada – mas com poucas calorias.

Nestes três dias, não é permitida a ingestão de qualquer alimento entre estas refeições e as refeições principais exigem um consumo muito baixo de calorias, sendo o primeiro dia de 1.400 calorias, o segundo de 1.200 e o terceiro 1.100 na mesma semana.

“Para os dias seguintes [à dieta militar], não existem restrições de grupos alimentares, podendo fazer lanches ao longo do dia, no entanto, não é aconselhado consumir mais do que 1.500 calorias diárias”, recomenda dra. Marlene Sanches, nutricionista na Clínica de Santo António, em Amadora.

“Recomenda-se ainda uma boa hidratação que pode ser feita com água, chá ou café, nunca usando açúcar”, refere a nutricionista.

O clico semanal é repetido as vezes necessárias até atingir o peso meta, mas tenha em atenção que existem consequências associadas a este corte enorme no consumo de calorias.

 

O segredo para perder peso

Esta dieta apresenta um valor energético muito baixo o que leva à perda de peso através da água e da perda de massa muscular.

Contudo, a diferença no peso corporal é rapidamente recuperada quando retomado um plano alimentar normal, assim, aconselha-se a manter uma alimentação equilibrada após realizar esta dieta e não compensar o défice de açúcar com a ingestão de doces.

“Acima de tudo, para realizar esta dieta e qualquer outra, é sempre necessário manter o organismo bem nutrido”, salienta Marlene Sanches.

Uma grande vantagem nesta dieta é que cria disciplina e restrição dos consumos de açúcar, reeducando o corpo para o plano alimentar saudável que irá seguir para manter o peso que atingiu.

“Por vezes, existem pessoas que precisam de estímulos/resultados para continuarem a fazer alterações aos seus hábitos alimentares, quando já apresentam diferenças visíveis no seu corpo e perda de peso”, explica a especialista.

 

O lado negro da dieta militar

Apesar das boas promessas que faz, a longo prazo, a dieta militar não apresenta qualquer beneficio, levando mesmo a poder proporcionar estados de irritabilidade, ansiedade e compulsão alimentar, que levam a aumentar o peso de forma rápida.

A dificuldade de concentração e falta de energia para a prática de exercício físico também são constantes se realizar este plano alimentar mais tempo que o indicado.

Saber respeitar o corpo e os próprios limites é fundamental, mas antes de optar por qualquer alteração à sua alimentação com qualquer que seja o objetivo pretendido, é aconselhável consultar um especialista para estudar o caso e ajudá-la da melhor forma para atingir esse objetivo sem prejudicar a sua saúde.

Clique nas imagens para conhecer dia-a-dia da dieta militar.

 

Leia também

https://www.womenshealth.pt/perder-peso/perder-peso-perder-gordura-pt/

Brand Story