Menu
Inicio Living Destino de sonho: uma viagem a Marraquexe

Destino de sonho: uma viagem a Marraquexe

Para todos nós, as viagens de lazer ficaram em pausa e, agora, lentamente e com toda a segurança, recuperamos aqueles planos tão imprescindíveis!

Marraquexe

Marraquexe é a cidade das cores, dos aromas e dos sabores. E, claro, um dos spots mais instagramáveis. Cá para nós, vale a pena visitá-la pela cultura e gastronomia. Dois aspetos que andam lado a lado e que nos levam em viagens constantes e deliciosas.

Comecemos pela comida

Na cidade de Marraquexe é impossível escapar à típica tagine – um prato composto por cuscuz com guisado de vegetais, podendo conter frango, cordeiro ou carne de vaca. Os sabores das especiarias marroquinas estão bem presentes neste prato
(e que vão desde o açafrão à canela, passando pelos cominhos e gengibre – um boost anti-inflamatório, antioxidante e de micronutrientes), assim como o picante. Mas a culinária de Marraquexe vai muito além do seu ex-líbris.

Pratos à base de azeitonas são também típicos, assim como as sopas – em especial a harira (feita com carne de borrego, grão-de-bico, ervas e especiarias, bem saciante e repleta de nutrientes) –, as espetadas de carne e o pão. Como sobremesas, uma coisa é certa: os amantes de amêndoa vão adorar tudo! Os nossos conselhos vão para a amlou (compota típica de Marrocos) e as feqqas (um tipo de tostas com amêndoa). Mas há muito mais para experimentar! Como não poderia deixar de ser, não deixe de provar os chás, sendo o chá de menta e o de hortelã os mais apetecíveis. Atenção: são bem doces, mas pode pedir para que o sirvam sem açúcar.

Viagem cultural

Numa mescla entre o velho e novo, o tradicional e os ares modernos, Medina é o ponto de destaque em Marraquexe, estando nesta cidade localizada a icónica Praça Jemaa el-Fna – repleta de bancas coloridas, obras-primas feitas à mão e uma história por contar a cada passo que se dá (e são muitos, conta como exercício!). A Mesquita de Koutoubia e o Palácio de Bahia são alguns dos espaços que podem ser visitados na Medina, descrita por muitos como ‘museu a céu aberto’. Com a cultura árabe bem presente em cada traço da cidade, Marraquexe é dona e senhora de recantos que merecem todo o destaque nos roteiros turísticos e que devem ser a prioridade de quem visita esta cidade marroquina.

O Le Jardin Secret (a mais ou menos 20 minutos a pé da Medina) é um dos locais a visitar. Não só por toda a sua história, mas também pela arquitetura que apresenta. À mesma distância a pé da Medina (mas no sentido oposto), vale a pena conhecer os Les Jardin De La Menara. a visitar especialmente pela vista, onde é possível ver o Alto Atlas.

Os locais mais procurados em Marraquexe…

Um pouco mais longe – mas com transportes que facilitam a viagem – estão dois dos locais mais procurados em Marraquexe: Jardim Majorelle e Museu Yves Saint- -Laurent. O nosso conselho? Vá cedo! O ideal é mesmo visitar o Jardim Majorelle logo após a sua abertura (8h00). Assim garante conseguir desbravar calmamente cada canto – e, claro, tirar aquelas apetecíveis fotografias para as redes sociais. Uns metros ao lado tem o Museu Yves Saint-Laurent. Uma verdadeira ode ao criador e à influência que a cidade teve na sua vida profissional (e não só).

A viagem cultural está longe de terminar (há muito para caminhar ainda!), mas temos ainda mais dois locais a recomendar. O MACAAL: Musée d’Art Contemporain Africain Al Maaden fica a 15 minutos de carro de Medina. Mostra o lado mais recente da arte de Marrocos, nunca esquecendo a sua história artística. Um pouco mais longe fica o Anima Garden, a cerca de 35 minutos de carro, mas há um transfer junto à Mesquita de Koutoubia. Um espaço colorido, dinâmico e que faz jus ao trabalho criativo do artista André Heller, mentor deste recente espaço turístico.

Quer mais aventura?

As caminhadas culturais por Marraquexe são um espelho fiel do estilo de vida que os habitantes levam: muitos quilómetros nas pernas. Mas, se o turismo cultural
não é o que procura, eis uma sugestão para si: as Cascatas de Ouzoud (2h30 horas
de carro de Medina). São as cascatas mais altas do norte de África e merecem uma visita pela magnífica vista.

Uma breve passagem por casablanca

A pouco mais de duas horas de carro do centro de Marraquexe, Casablanca é um dos locais que tem de incluir no seu roteiro turístico. Com uma génese bem mais cosmopolita e empresarial, a cidade mantém-se fiel à cultura árabe-. Prova disso é a imponente Mesquita Hassan II. Situa-se bem junto ao oceano, o que, por si só, lhe dá um poder e uma calma inigualáveis. Por muito breve que seja a passagem por Casablanca, há que arranjar sempre tempo para uma refeição com os sabores da região. Sugerimos o restaurante SENS, em plena Kenzi Tower. Além de uma variedade requintada de pratos, a sua vista do alto do 27.º andar é impressionante.

Longe da confusão, perto do descanso

Com 212 amplos quartos, piscinas, áreas de lazer, refeições tipicamente marroquinas e ainda um sem-fim de espaços verdes. Assim é o Hotel Be Live 5 Only Adults. Um paraíso para quem quer desfrutar de Marraquexe sem estar sempre no epicentro da confusão. Localiza-se a menos de 20 minutos de carro de Medina.

Brand Story