Menu
Inicio Perder Peso De biotecnóloga a health coach: perdeu peso e começou a ajudar outros

De biotecnóloga a health coach: perdeu peso e começou a ajudar outros

O seu objetivo passou o de ser ajudar outros a seguir um estilo de vida saudável e descomplicado.

emagrecer

A necessidade de cuidar da própria mãe, que ficou doente e dependente de Ana Rita, foi o ponto de viragem para esta leitora. E a perda de peso acabou por ser consequência de uma mudança bem mais complexa.

“A minha mãe sempre teve excesso de peso e travou várias batalhas contra este peso. Eu vi-a muitas vezes fazer dieta mas sempre sem resultados. Ficava frustrada e vingava-se na comida”, conta-nos e lembra que aquela situação a levava a questionar: e se esta doença for hereditária? Esta foi a motivação que levou a que a outrora cientista mudasse a vida a 180º, primeiro com algum sentimento de culpa, por estar a ‘gastar tempo consigo’ e depois com a certeza de que tal era essencial.

Da autoaprendizagem, vieram os resultados e, como consequência, as questões colocadas por várias mulheres que lhe perguntavam como tinha perdido todo aquele peso. Este foi o feedback que precisava para sentir que estava na altura de mudar de profissão: de biotecnóloga a health coach, o seu objetivo passou o de ser ajudar outros a seguir um estilo de vida saudável e descomplicado.

Achava que partia tudo de fora

Até lá chegar, errou muitas vezes. “Achava que partia tudo de fora. Que tinha de fazer dieta; que tinha de correr muito e fazer muito cardio; que tinha de comer só saladas; que tinha de me proibir. Depois, percebi que tinha de ser responsável pelas minhas escolhas e por encontrar um estilo de vida que eu quisesse para o resto da minha vida, com hábitos mais saudáveis. Aí sim, começou a minha perda de peso!”

Atualmente, faz questão “de mexer o corpo todos os dias”, conta-nos. Um gosto que se completa com a organização. Planear cada treino, cada semana, foi fundamental para manter o foco assim como o journaling e gratidão. São, pois, ferramentas que considera um hábito fundamental ao seu quotidiano.

“Descomplica e começa com o que tens neste momento. Avalia o que podes fazer melhor amanhã. Mas mais importante, começa já a fazer alguma coisa!”, é o conselho que Ana Rita deixa a quem quer mudar. Está na área certa, dizemos-lhe nós!


Se também tem uma história de superação e gostava de partilhar o seu testemunho na Women’s Health, contate-nos! Envie-nos um email para [email protected]

Brand Story