Menu
Inicio Novidades Continente muda receitas e torna alimentos mais saudáveis

Continente muda receitas e torna alimentos mais saudáveis

Continente muda receita e torna alimentos mais saudáveis
Créditos: Continente

Mais de 60 produtos de marca própria do Continente são agora nutricionalmente mais saudáveis. A mudança na composição e produção dos alimentos insere-se no compromisso do Continente em melhorar a alimentação dos portugueses. O preço dos produtos em causa não se irá alterar e os alimentos com a receita antiga serão totalmente substituídos pelos novos.

“Querem trazer produtos nutricionalmente mais equilibrados à alimentação dos portugueses. Queremos que toda a marca Continente seja nutricionalmente equilibrada”, começou por dizer Ana Alves, diretora comercial das marcas próprias Continente, durante o evento de apresentação e comunicação dos produtos alimentares melhorados. Apesar de estar consciente de que “corremos risco da transparência”, Ana Alves defende que “acreditamos que [esta otimização nutricional] traz lealdade à marca”.

Para já, e com a mudança em 60 produtos, que aconteceu durante 2019, o Continente conseguiu reduzir o consumo de 47 toneladas de sal, 200 toneladas de açúcar e 25 toneladas de gordura. Os valores são altos, é certo, mas tal deve-se ao grande volume de vendas e não tanto à má composição dos produtos ‘originais’, garante a Ana Alves: “Os nossos produtos não eram uma desgraça. São 200 toneladas porque vendemos muito”.

Iogurtes, sopas, batatas fritas, bolachas e polpa de tomate são alguns exemplos dos alimentos cujas receitas foram otimizadas para que possuam uma menor quantidade de sal, açúcar e gorduras, mas o objetivo é que esta mudança aconteça em todos os produtos alimentares da marca Continente, de modo a que cheguem ao maior número de portugueses.

A grande maioria destes produtos otimizados já está à venda – como o caso das batatas fritas com menos sal (reduziram o sal a uma partícula tão fina que faz com que sem menos quantidade, mas sem comprometer o sabor) –, mas há novidades a chegar, especialmente no que diz respeito aos iogurtes, que vão possuir menos açúcar, mas um sabor mais intenso e natural de fruta, e às sopas sem sal, que fazem das especiarias protagonistas.

Brand Story