Menu
Inicio Gravidez Catarina Gouveia: “Gosto do empoderamento que a gravidez me traz”

Catarina Gouveia: “Gosto do empoderamento que a gravidez me traz”

A atriz partilhou connosco alguns momentos da sua gravidez, nomeadamente, como está a ser o seu terceiro trimestre.

Com 31 semanas, prestes a entrar nos oito meses de gravidez, Catarina Gouveia partilhou com a Women’s Health como têm sido as últimas semanas. “Senti um maior pesar da barriga e sinto que fico mais cansada do que o mês passado”, diz.

Para gerir este desconforto, Catarina Gouveia diz respeitar os sinais do seu corpo, mesmo que esses sinais peçam mais descanso e repouso. Por isso, como diz ter mais energia pela manhã, a atriz faz exercício físico (que considera prioritário) logo cedo, bem como outras responsabilidades profissionais.

Em relação ao exercício físico, Catarina Gouveia diz ser importante cumprir com este hábito porque lhe deixa bem disposta e dá-lhe a mobilidade necessária para conseguir fazer as suas tarefas.

“Eu sei que a partir das quatro da tarde é quando começa a vir o sono e o cansaço e, por isso, permito-me descansar e sentir-me bem com isso, porque considero importante. Acho que vivemos numa aceleração tão presente de querermos fazer tudo que ficamos pressionadas e até sentimo-nos culpadas por parar, mas temos de respeitar o corpo”, afirma.

“Perceber que o meu corpo é capaz de gerar uma vida, traz-me uma sensação de empoderamento feminino que eu ainda não conhecia”.

Ao longo destes sete meses, Catarina Gouveia diz que a ansiedade foi o aspeto mais desafiante dos primeiros meses da gravidez. “Nos últimos meses sentimos o bebé a mexer e há uma ligação mais profunda entre este e a mãe, mas nos primeiros meses foi um desafio muito importante lidar com a minha ansiedade porque já passei por um aborto e isso deixa marcas muito profundas”, refere.

Em contrapartida, Catarina diz que o que está a ser mais fascinante é o empoderamento que a gravidez lhe está a proporcionar. “Perceber que o meu corpo é capaz de gerar uma vida, traz-me uma sensação de empoderamento feminino que eu ainda não conhecia. Esta fase da gravidez traz-me uma clareza muito forte deste poder que nós temos de uma forma que nenhuma outra fase me trouxe”, explica.

Brand Story