Menu
Inicio Nutrição Calorias negativas. O que são e onde as podemos encontrar

Calorias negativas. O que são e onde as podemos encontrar

calorias negativas

Calorias negativas. Haverá melhor combinação no mundo da nutrição do que esta? Possivelmente não, mas antes que atire todos os foguetes, importa saber do que realmente se trata.

Em primeiro lugar, comecemos pela definição. Por caloria entende-se a quantidade de calor necessária para elevar em 1º C a temperatura de um grama de água. Na prática, a caloria é a quantidade de calor que um alimento dá ao nosso organismo depois de ter sido metabolizado (digerido). E o calor aqui é mais do que a energia química gerada pelo nosso corpo para que possamos viver.

Apesar de as calorias serem uma unidade de medida, a verdade é não são todas iguais. Um grama de hidratos de carbono, por exemplo, oferece quatro calorias, a mesma quantidade de um grama da proteína. Já um grama de gordura equivale a nove calorias.

Uma vez que as calorias dependem dos nutrientes que compõem os alimentos, importa saber que, por exemplo, as 100 calorias de uma maçã oferecem nutrientes e níveis de energia diferentes das 100 calorias de duas bolachas.

Além disso, alguns alimentos oferecem aquilo que são calorias ocas. Falamos do fast-food, que é altamente calórico mas que, a nível nutricional, nada de bom oferece além de gordura saturada e trans, que se acumula no nosso corpo.

Calorias negativas. O que são?

Quando falamos em calorias negativas não estamos a falar de alimentos isentos de calorias ou até mesmo de nutrientes. Este termo é usado para descrever os alimentos que provocam uma perda de calorias no processo de metabolização superior às que foram obtidas durante a ingestão.

Confusa? É simples! Um alimento com calorias negativas é aquele que nos faz perder mais energia durante a digestão do que a energia que o alimento em si nos fornece.

Os alimentos com calorias negativas são, por norma, ricos em água e fibra. Ora, a água não tem calorias e a fibra promove o processo digestivo (que, por si só, pede energia), dois fatores que, em conjunto, levam a um gasto energético maior do que o consumido.

Além disso, os alimentos que têm o estatuto de calorias negativas contêm pequeníssimas quantidades de calorias, como é o caso do aipo.

Apesar de não existir ainda uma evidência científica do real impacto deste tipo de alimento, sabe-se, porém, que pode ajudar a acelerar o metabolismo e ser também aliado na perda de peso. Contudo, não devemos esquecer que a alimentação saudável e a prática de exercício físico fazem toda a diferença, pois, na verdade (e como já dissemos), não existem milagres!

Inclua os alimentos com calorias negativas no seu plano alimentar, mas não se sinta refém deles! Se o fizer, poderá estar a comprometer a ingestão de todos os nutrientes que o organismo precisa. Além disso, nada mais estará a fazer do que seguir uma alimentação restrita (algo que é, por si só, um erro).

Ao invés de fazer destes alimentos protagonistas, preste mais atenção aos rótulos. Deve escolher sempre os alimentos no seu estado mais natural. Garantidamente conseguirá dar a energia necessária ao seu corpo.

Conheça nesta lista alguns dos alimentos com calorias negativas:
  • Aipo
  • Ananás
  • Banana verde
  • Brócolos
  • Cenoura
  • Couve
  • Couve-flor
  • Frutos Vermelho
  • Laranja
  • Maçã
  • Pepino
  • Tomate
  • Toranja

Brand Story