Menu
Inicio Living Este calendário de treinos vai ajudá-la a manter o foco

Este calendário de treinos vai ajudá-la a manter o foco

Se contar pelos dedos de uma mão, rapidamente saberá quantas vezes treinou e quantas ainda deve treinar. Acredite, vê-lo por escrito faz a diferença.

Este calendário de treinos vai ajudá-la a manter o foco

Treinar três ou quatro vezes por semana. Vamos lá, três é o mínimo: fácil. Não treinou na segunda-feira, não tem mal, a semana tem mais seis dias. Na terça já houve treino. Por isso o descanso de quarta-feira não foi passado com peso na consciência. Na quinta volta a folgar e quando dá por si, tem de treinar na sexta-feira e no dos dias do fim-de-semana. E isto só para cumprir os mínimos.

Visto desta forma, treinar ‘os mínimos’ parece difícil. E nem falamos dos jantares de final de semana de que não se lembrou na hora de decidir se ia ou não ao ginásio.

Há solução?

Se disséssemos que não, não seriamos a Women’s Health. Tal como é possível preparar refeições saudáveis para toda a semana com um pouco de preparação prévia, também é mais que possível treinar 3 ou 4 vezes por semana sem que todos os seus compromissos laborais, sociais e profissionais entrem em colapso.

A ideia em que tem de se focar é só esta: treinar é tão crucial como tudo o resto. Assim que se consciencializar de que o exercício físico não é um sacrifício, será mais fácil fazer desta uma base do seu dia-a-dia.

Agora a ajuda mais prática: arranje um calendário e escreva. Torne legível os seus treinos para que mentalmente lhe seja imediata a organização para o resto da semana. Idealmente, organize os dias de treino no fim–de-semana, sempre com a margem de que imprevistos podem acontecer. Se se der o caso, não treine hoje, treine amanhã.

Mais: se na quinta-feira olhar para o calendário e vir que já completou três treinos naquela semana, vai lhe dar ainda mais prazer fazer o quarto treino. É tudo uma questão de visual, por isso, o nosso conselho é que arranje um calendário mensal e escreva os seus treinos.

Não é só nos treinos que as melhorias se notam neste aspeto. Estudos de psicologia apontam que fazer listas é uma técnica muito indicada, principalmente para os mais desorganizados. Recentemente, foi publicada uma investigação na revista científica Journal of Personality and Social Psychology sobre este mesmo tema.

Esta é pois a melhor forma de se tornar produtiva. Pode ser o impulso que lhe falta para melhorar a sua condição física de semana a semana, e mês a mês.

Brand Story