Menu
Inicio Nutrição Cálcio além do leite? Eis as melhores fontes vegetais

Cálcio além do leite? Eis as melhores fontes vegetais

Saiba como consumir e otimizar este mineral!

O cálcio faz parte do leque de minerais indispensáveis para a boa saúde humana.

Além de ser fundamental para a coagulação sanguínea e para o sistema nervoso, este nutriente está associado aos dentes fortes e à boa saúde óssea.

O consumo adequado deste mineral desde tenra idade promove o crescimento correto das crianças e previne o aparecimento de doenças de ossos relacionadas a velhice, como a osteoporose.

 

Mas há mais cálcio além do leite

Quem segue uma alimentação vegetariana ou vegan consegue manter os bons níveis deste mineral, embora a biodisponibilidade de origem vegetal seja menor do que a do leite e derivados, por exemplo.

Mas para que os níveis de cálcio se mantenham adequados importa ter em atenção dois aspetos: o consumo de carne e de sódio. Segundo o Centro Vegetariano, o excesso de proteína animal e de sódio promove a perda do mineral através da urina.

“No entanto, esses vegetais são a exceção, e não a norma. Leguminosas comuns, como grão-de-bico e feijões, contêm oxalatos e fitatos que interferem com a absorção de cálcio. Na verdade, a quantidade de cálcio absorvida destes grãos é metade da que se obtém de verduras verdes. Embora os feijões tenham pouco cálcio, são ótima fonte de proteína, zinco, ferro e fibras”, lê-se no site.

Para que os alimentos de origem vegetal forneçam o cálcio necessário ao organismo é importante que se faça um consumo de quatro a seis porções de cada um dos alimentos.

Segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS) a quantidade recomendada de cálcio por dia é de 1000 mg.

Clique nas imagens acima e conheça os alimentos de origem vegetal que são ricos em cálcio.

 

Brand Story