Menu
Inicio A WH testou #aWHtestou. Esta aula fez-me sentir viva

#aWHtestou. Esta aula fez-me sentir viva

Fui experimentar pela primeira vez uma aula de boxe. Este foi o resultado.

Antes de ir experimentar esta aula de boxe, nunca tinha dado um soco a alguém ou em alguma coisa. Primeiramente, posso já deixar aqui um spoiler para todos aqueles e aquelas que nunca o tenham feito, mas que estejam com curiosidade: é libertador (em todos os sentidos, mas numa aula e num saco).

Confesso que, apesar de mesmo assim o fazer, não sou amante de treinos de força, nem de corrida. Além disso, como não transpiro muito, sinto que, por vezes, os treinos que faço não suficientes para descarregar toda a energia acumulada durante o dia.

Desta vez foi diferente. Fui para esta aula sem expectativa alguma e até achei que iria ser uma aula bastante parada. Enganei-me redondamente. O aquecimento começou logo com exercícios intercalados e de alguma intensidade, num ritmo bastante consistente, como saltar à corda e fazer flexões. Admito que apesar de estar a gostar, tive um pouco de receio do que viria a seguir.

Após o aquecimento, chegou a hora de colocar as luvas e começar a parte técnica que é feita com o saco de boxe ou então dois a dois. A parte que gostei mais foi com o saco, porque em algumas partes misturava-se a técnica com a condição física.

Enquanto um está a enfrentar o saco o outro está a fazer pressão contra o mesmo para segurá-lo. Pelo meio de Jabs (golpe reto com o punho que está a frente da guarda) e outras técnicas do boxe, também tinha de fazer burpees ou agachamentos – isto ao som de uma campainha que ditava os tempos.

Quando dei por mim estava literalmente ensopada e se acha que a parte final é mais calma, desengane-se. Para terminar também fizemos exercícios de condição física como, por exemplo, abdominais. Nesta parte destaco o espírito de equipa que se sente nesta aula, pois à medida que estamos a fazer os diferentes exercícios, cada participante conta em voz alta o número de repetições. Senti que me ajudou a não desistir.

Para concluir, posso dizer, claramente, que recomendo. Desde a gestão de stress, a todo o trabalho cardiovascular que é feito, já há muito que os benefícios do boxe estão comprovados. Por mim, voltava já hoje.

  • Onde: Holmes Place Health Club – Palácio Sotto Mayor, Lisboa;Cascais; Defensores de Chaves; Gaia; Oeiras; Parque das Nações; Porto; Quinta da Beloura, Cascais.
  • Para quem: Para todas as mulheres que gostam de exercícios de alta intensidade para aliviar o stress.
  • Duração do tratamento: 50 minutos.

Brand Story