Menu
Inicio Saúde As três modalidades desportivas que dão mais anos de vida

As três modalidades desportivas que dão mais anos de vida

Não gosta de treinar com companhia? Então fique a saber que devia fazê-lo…e o quanto antes.

modalidades
Fitness accessories, healthy and active lifestyles concept background with copy space for text. Products with vibrant, punchy pastel colours and frame composition. Image taken from above, top view.

Que o exercício físico é, por si só, uma mais-valia para a saúde e bem-estar, todas nós sabemos, mas a Ciência vem agora dar mais um bom motivo para sair do sofá e ir treinar… preferencialmente acompanhada.

Levada a cabo pela Copenhagen City Heart Study, a investigação publicada na Mayo Clinic Proceedings revela que as atividades desportivas coletivas são as que mais peso têm na longevidade.

Dizem os cientistas que o lado social do exercício físico é meio caminho andado para a pessoa se sentir motivada a exercitar-se e a manter um estilo de vida ativo e saudável, fatores determinantes para a saúde e, claro, para a longevidade.

 

As três modalidades desportivas que dão mais anos de vida

Depois de analisarem 8.577 pessoas ao longo de mais de duas décadas – e de avaliarem um exaustivo inquérito sobre o estilo de vida que tinham –, os investigadores concluíram que as atividades coletivas são mais benéficas do que os treinos solitários.

Na prática, diz o estudo, as idas por conta própria ao ginásio podem resultar em mais um ano e meio de vida, enquanto a corrida pode levar a que a pessoa viva mais três anos e dois meses. Nadar pode oferecer 3,4 anos e andar de bicicleta 3,7 anos.

Mas, e se treinarmos com um compincha ou com um grupo? Pois bem, diz a Ciência que se assim o fizer irá viver mais. E os números não enganam: jogar futebol pode resultar em mais 4,7 anos, badmínton em mais 6,2 anos e jogar ténis em 9,7 anos.

Embora os números não deixem dúvidas e os investigadores acreditarem que o lado social do exercício pode, de facto, fazer toda a diferença, o próprio estudo aborda a importância de ir mais além na questão e de analisar outros grupos com outros estilos de vida.

Brand Story