Menu
Inicio Nutrição Agora sou vegan. O que muda no meu treino?

Agora sou vegan. O que muda no meu treino?

Posso treinar? Sim, sim e sim! Mudar a alimentação não significa ter que mudar os seus hábitos de treino. Ainda assim, esta é uma dúvida que persiste.

Agora sou vegan. O que muda no meu treino?

“Se for feita uma alimentação correta, o vegetariano pode fazer um treino tão intenso como uma pessoa que come carne. Não existem limitações, desde que a pessoa tenha uma dieta adequada ao treino que vai realizar”. Assim confirma Pedro Esteves, personal trainer no People Family Club, em Sintra.

Também ele vegan, o PT defende que o segredo é ter uma dieta o mais variada possível. Os seus favoritos? “As sementes de linhaça, por serem uma ótima fonte de Ómega-3; a quinoa, que é uma excelente substituta do arroz; as leguminosas e os vegetais escuros, com destaque para os brócolos e os espinafres; os frutos secos, como as avelãs, as nozes e os amendoins; e a soja não transgénica”.

Pode… e deve!

Com estes e outros aliados no prato, o PT garante que o treino pode e deve ser feito. Se restarem dúvidas, pode recorrer uma ajudinha tecnológica: “o site Nutritional Data tem uma aplicação onde é possível colocar toda a alimentação que a pessoa fez durante o dia para perceber como está a nível de macronutrientes e se está a atingir os níveis necessários para poder treinar”, explica.

Se ainda assim o site não chegar, pode sempre falar diretamente com o especialista. Pedro faz parte de um projeto de aconselhamento online*, para vegetarianos e veganos para quem deixar de treinar não é, de todo, opção!

É que, para alguém que não é da área, é normal que não se saiba ao certo quais os nutrientes que a carne garante e que, na falta deste alimento, devem ser repostos com a ajuda de suplementação natural ou alimentos alternativos.

Nada como um especialista para a ajudar a encontrar todos estes nutrientes, para que não lhe falte nada. Já está convertida? Percorra as imagens da galeria apresentada e saiba de que alimentos falamos.

 

*por e-mail: [email protected]


Leia também

Vegan de luxo: seis receitas tão saborosas quanto bonitas

Brand Story