Menu
Inicio Saúde Esta é a melhor hora para deitar os miúdos, dizem especialistas

Esta é a melhor hora para deitar os miúdos, dizem especialistas

‘Só mais cinco minutos! Não quero ir para a cama!’ Se revê os serões lá de casa nestas duas frases, saiba que não está sozinho na luta na hora de dormir.

Esta é a melhor hora para deitar os miúdos, dizem especialistas

Estima-se que a hora de deitar os mais novos seja dos momentos mais stressantes do dia para metade da população mundial. Uma proporção que justifica que o tema seja objeto de estudo para o neurocientista Paul Kelley da Open University, em Inglaterra.

Até aos 12 anos de idade, “nove da noite é uma boa hora”. Mas os especialistas reconhecem que esta não é uma medida seguida por muitos. Os mesmos consideram que, para adolescentes entre os 13 e os 16 anos de idade, a hora limite deve avançar até às 23h30.

Mas, mais do que tomar estas horas como referências, há que ter em conta a rotina diária e horário da escola, do qual dependerá a hora de deitar. Em suma, o mais relevante é que a criança (dos 13 aos 15 anos) durma oito horas.

Se para um adulto é essencial manter uma rotina de sono, tal é ainda mais importante no caso das crianças. Isto porque estão em desenvolvimento e, por isso, precisam deste momento para, em termos fisiológicos, garantir as bases certas.

 

Uma rotina fixa traz benefícios?

Outro estudo, avançado pela Johnson & Johnson Consumer Companies, partiu da já comprovada importância do sono para as crianças. Desta vez, quis-se especificar se uma rotina de sono consistente é preferível a um sono que não acontece sempre às mesmas horas.

Durante um período de análise ao caso de 405 crianças, dividiu-se a amostra entre três grupos com diferentes horários de sono. Daí se confirmou que, de facto, garantir que os mais novos seguem uma rotina de sono consistente é o melhor método. Assim se garante um sono profundo e ininterrupto, que evita consequências que advenham de uma má prática de sono.

A conclusão vai ao encontro do que se suponha, contudo, como alegam os autores do estudo, até então esta questão não havia sido analisada de forma direta.


Leia também

https://www.womenshealth.pt/saude/e-por-isto-que-os-bebes-dao-pontapes-dentro-da-barriga/

Brand Story